Piauí

Suparc vai realizar audiência sobre PPP do Terminal de Barra Grande

O projeto estruturado pela Suparc e Secretaria de Estado do Turismo (Setur) tem o objetivo de modernizar e profissionalizar o uso do equipamento para que sejam alcançados melhores resultados.

Nayrana Meireles
Teresina
- atualizado

A Superintendência de Parcerias e Concessões do Estado (Suparc) promoverá, na quarta-feira (23), às 9h, no Auditório da Sead, audiência pública sobre a concessão de uso do Terminal Turístico de Barra Grande, localizado em Cajueiro da Praia, litoral do Piauí. O projeto prevê a modernização, operação e manutenção do equipamento.

Inaugurado em julho de 2018, o Terminal Turístico de Barra Grande foi construído com o propósito de receber os turistas que chegam ao vilarejo e organizar os espaços públicos. O espaço possui 785,44m² de área construída, sendo dois pavimentos, e conta com boxes para empresas de transporte de passageiros, lojas de souvenires e vendas de passagens, praça de alimentação, área administrativa e estacionamento.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Viviane Moura, Superintendente de PPPs do PiauíViviane Moura, Superintendente de PPPs do Piauí

O projeto estruturado pela Suparc e Secretaria de Estado do Turismo (Setur) tem o objetivo de modernizar e profissionalizar o uso do equipamento para que sejam alcançados melhores resultados na operação, assim como possibilitar a incorporação de novas atividades voltadas para o melhor aproveitamento da infraestrutura existente. O prazo de concessão será de dez anos e o valor de outorga deverá ser usado como investimento no apoio ao turismo de Cajueiro da Praia, com ações em projetos de infraestrutura, inclusão social, conservação e educação ambiental.

“Apesar de possuir um largo potencial para exploração comercial e apoio ao turista que visita Barra Grande, o terminal se encontra sem uso efetivo. Nosso objetivo é, por meio de parceria com a iniciativa privada, fazer com que o local passe a operar e fomentar o turismo e a economia do município, com respeito ao meio ambiente e às características rústicas desse tipo de atrativo turístico”, frisou Viviane Moura, superintendente de Parcerias e Concessões.

Os comentários, sugestões e manifestações sobre os documentos deverão ser encaminhados à Suparc, devidamente identificados e fundamentados, por meio do e-mail: [email protected] A identificação dos autores se fará com apresentação das seguintes informações: nome, empresa, CPF/CNPJ, endereço, e-mail e telefone.

Mais conteúdo sobre: