Colônia do Piauí - PI

TCE vai julgar representação contra a prefeita Lúcia Moura

O Ministério Público de Contas ingressou com a representação devido à ausência da prestação de contas referente ao exercício financeiro de outubro de 2018.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) vai julgar na próxima quinta-feira (12) uma representação do Ministério Público de Contas contra a prefeita de Colônia do Piauí, Lúcia Moura.

O Ministério Público de Contas ingressou com a representação devido à ausência da prestação de contas referente ao exercício financeiro de outubro de 2018 e ainda pediu o bloqueio das contas, até que a situação seja regularizada.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Tribunal de Contas do EstadoTribunal de Contas do Estado

Consta que no dia 14 de março deste ano o TCE chegou a determinar o bloqueio das contas, mas antes do banco efetuar o bloqueio, a prefeita Lúcia Moura conseguiu apresentar parte da documentação, o que fez com que as contas não fossem efetivamente bloqueadas.

Segundo o procurador do Ministério Público de Contas, Plínio Valente, a maior parte da documentação que estava faltando, só foi entregue no mês de abril.

“Malgrado a situação tenha se regularizado, cumpre a este parquet destacar que, no caso, ocorreu afronta ao comando constitucional que impõe o dever de prestar contas na forma e no prazo devido”, destacou o procurador.