Teresina - PI

TRE-PI realiza diplomação de 30 deputados estaduais e 10 federais

O Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) realizou a diplomação dos 30 deputados estaduais, 10 federais e 5 suplentes de cada coligação que oram eleitos.

Bárbara Rodrigues
Teresina
Germana Chaves
Teresina
Andressa Martins
Teresina
- atualizado

Diplomação dos deputados estaduais e federais eleitos no Piauí

Na noite desta segunda-feira (17) o Tribunal Regional Eleitoral do Piauí (TRE-PI) realizou a diplomação dos 30 deputados estaduais, 10 federais e 5 suplentes de cada coligação que foram eleitos. A solenidade foi realizada no auditório do Tribunal de Justiça do Piauí, onde também ocorreu a diplomação do governador Wellington Dias (PT), a vice Regina Sousa (PT), os senadores Ciro Nogueira (Progressistas) e Marcelo Castro (MDB).

O presidente do TRE-PI, o desembargador Sebastião Ribeiro Martins, comandou a solenidade de entrega de diplomas que atestam que o candidato realmente foi eleito e que está apto para tomar posse no cargo. A posse dos deputados estaduais e federais será no dia 1º de fevereiro.

O deputado estadual João Mádison (MDB) está entre os que conseguiram se reeleger. Ele afirmou que ficou feliz com a sua reeleição, mas que está preocupado com a situação financeira do Estado do Piauí para o próximo ano, devido ao governo de Jair Bolsonaro (PSL). “Toda reeleição é uma nova vida, nova perspectiva de mudança para melhor. Acreditamos que no próximo ano para o Piauí deve ser o mais difícil, pois temos um novo presidente da república. Não estivemos na eleição com ele e com isso podemos não ter uma boa convivência, mas esperamos que o presidente olhe para o Piauí com um olhar diferenciado, pois não queremos nosso estado discriminado”, afirmou.

O ex-secretário estadual de Administração e Previdência, Franzé Silva (PT), foi eleito pela primeira vez para um cargo no legislativo. Ele espera levar sua experiência em gestão para a Assembleia. “Tenho que agradecer aos eleitores que me fizeram chegar aqui. Dizer que vou trabalhar na Assembleia Legislativa muito focado em ajudar o executivo a buscar o equilíbrio fiscal. Hoje temos os debates da ordem do dia que é a questão previdenciária, a geração de emprego e renda, principalmente na questão da agricultura familiar, então quero com a minha experiência de gestor, junto com os deputados, fazer um reflexo positivo. Estou chegando na Assembleia com muita altivez, com a experiência de gestor que tive trabalhando no equilíbrio fiscal do estado. Chego para colaborar e ajudar nos debates”, disse o deputado estadual eleito.

O deputado estadual Themístocles Filho (MDB) afirmou que vai continuar trabalhando para concluir as obras da BR 222. Além disso, uma das bandeiras do deputado será a educação. “Nós estamos lutando por um campus da Universidade Federal na primeira capital do Piauí, que é Oeiras, que muita gente não sabe, foi mais de 90 anos a capital do Piauí. E também levar esse campus para a cidade de Esperantina. Muita gente não sabe, mas já foi aprovado na nossa universidade federal todo esse trâmite, está no Ministério da Educação em Brasília, para isso se tornar realidade. Quanto mais escolas, faculdades, universidades o nosso estado puder colocar em regiões do estado do Piauí, é importante e nós vamos trabalhar também nesse setor”, afirmou.

A vereadora Teresa Britto (PV) vai deixar a Câmara Municipal de Teresina para assumir pela primeira vez cargo de deputada estadual. Ela espera levar o trabalho que fez na capital, para todo o estado. “Tenho na capital do Piauí um trabalho muito comprometido, voltado para um diálogo com a população, dentro dos problemas da cidade, e queremos fazer isso com o Estado do Piauí. Defender a saúde, o meio ambiente, defender a população de um modo geral, a segurança que a população tanto clama. A descentralização da saúde pública é fundamental e urgente, vamos estar trabalhando isso e um plano de segurança que é urgente, um trabalho mais voltado para a prevenção”, explicou.

O deputado federal Átila Lira (PSB) disse estar confiante no seu trabalho após ser novamente reeleito. “Estou muito confiante de fazer um bom trabalho, temos um governo federal renovado, com muito compromisso para desenvolver a economia brasileira, dar uma repaginada em tudo no país. Eu estou com os que querem lutar pelo Piauí e especialmente para que o Piauí se desenvolva e ofereça mais oportunidades de trabalho. Vou colaborar com o governo do Wellington, principalmente porque ele vai precisar do apoio do Bolsonaro”, destacou.

O deputado federal Júlio César (PSD) afirmou que irá buscar mais recursos para os municípios piauienses. “Vou buscar, acima de tudo, o aumento das receitas do FPM, e do FPE através de um trabalho sistemático de fiscalizar o governo. Por mais de 40 vezes eu identifiquei retenções por parte do governo federal, de recursos que não lhe pertenciam, mas sim aos municípios e estados. Consegui que pagassem. Defender toda as outras causas dos municípios, aumentar a divisão do bolo tributário do governo para criar o Fundo da Segurança Pública, que é um dos maiores problemas do povo brasileiro. Aumentar toda essa redistribuição”, defendeu o parlamentar.

Veja a lista com os deputados eleitos:

Deputados federais

Rejane Dias (PT)
Fábio Abreu (PR)
Assis Carvalho (PT)
Flávio Nogueira (PDT)
Júlio César (PSD)
Iracema Portella (Progressistas)
Margarete Coelho (Progressistas)
Marcos Aurélio Sampaio (MDB)
Dra. Marina (PTC)
Átila Lira (PSB)

Deputados estaduais

Georgiano (PSD)
Lucy (Progressistas)
Wilson Brandão (Progressistas)
Júlio Arcoverde (Progressistas)
Flávio Nogueira Júnior (PDT)
Zé Santana (MDB)
Marden Meneses (PSDB)
Dr. Francisco Costa (PT)
Severo Eulálio (MDB)
Janainna Marques (PTB)
Francisco Limma (PT)
Themístocles Filho (MDB)
Pablo Santos (MDB)
Henrique Pires (MDB)
Fernando Monteiro (PRTB)
Fábio Xavier (PR)
Dr. Hélio (PR)
Fábio Novo (PT)
Gustavo Neiva (PSB)
Hélio Isaias (Progressistas)
Franzé Silva (PT)
Coronel Carlos Augusto (PR)
João Mádison (MDB)
Flora Izabel (PT)
Pastor Gessivaldo (PRB)
Firmino Paulo (Progressistas)
Evaldo Gomes (PTC)
Nerinho (PTB)
Teresa Britto (PV)
Oliveira Neto (PPS)