Polícia

Veja a lista das marcas de azeite proibidas pelo Ministério da Agricultura

A determinação se deu após a Polícia Civil do Espírito Santo desarticular uma quadrilha especializada em falsificar azeites.

Nathalia Carvalho
Teresina
- atualizado

O Ministério da Agricultura proibiu a comercialização de nove marcas de azeite de oliva extra virgem, após suspeita de fraude nos produtos. A determinação foi anunciada nessa terça-feira, 17.

A decisão se deu após uma operação da Polícia Civil do Espírito Santo, na última quarta-feira (11), que desarticulou uma quadrilha especializada em falsificar azeites. Mais de três mil frascos foram apreendidos e, segundo a polícia, ao invés de azeite de oliva extravirgem, o grupo estava comercializando óleo de soja.

O Ministério afirmou que os investigados criavam marcas, supostamente importadas, e colocavam para venda no mercado nacional. No total foram cumpridos cinco mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão de um cubano, suspeito de chefiar o esquema de falsificação de azeites.

Veja a lista das marcas proibidas

- Casalberto

- Conde de Torres

- Donana (Premium)

- Flor de Espanha

- La Valenciana

- Porto Valência

- Serra das Oliveiras

- Serra de Montejunto

- Torezani (Premium)