Política

Veja detalhes do depoimento de Robert Rios na PF contra Ciro Nogueira

O GP1 teve acesso ao depoimento, onde Robert Rios relatou que Ciro comanda grupo de pornografia no WhatsApp e confirmou que trocou várias ofensas com o senador pelas redes sociais.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O ex-deputado estadual Robert Rios (DEM) prestou depoimento à Polícia Federal no Piauí na última quarta-feira (7) em ação ajuizada pelo senador Ciro Nogueira (PP).

O GP1 teve acesso ao depoimento, onde Robert Rios relata que Ciro comanda grupo de pornografia no WhatsApp e confirmou que trocou várias ofensas com o senador pelas redes sociais. O ex-deputado ainda pediu que a Polícia Federal realize uma perícia no celular do senador.

Robert disse que o Ciro Nogueira ingressou com uma ação contra ele alegando que na campanha eleitoral de 2018, foi ofendido pelo ex-deputado nas redes sociais. O senador anexou na ação algumas imagens que teriam sido publicadas por Robert durante as eleições de 2018. Robert e Ciro disputaram para o cargo de senador.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Robert Rios Robert Rios

Troca de ofensas pelo WhatsApp

No depoimento prestado por Robert Rios na quarta-feira, ele afirmou que apenas devolvia na “mesma agressividade”, os ataques que recebia dos simpatizantes do senador. Robert Rios afirmou ainda que Ciro Nogueira usava o WhatsApp para mandar ofensas para ele, onde teria sido chamado de “bosta”, “patife”, “ladrão”, “mal caráter”, e de outros adjetivos. Também alegou que o senador tentava humilhar a sua campanha, chamando ele de “quebrado” e “comida de porca”.

O ex-deputado explicou que respondia com as mesmas ofensas, sempre chamando Ciro de “ladrão envolvido na Lava Jato”. Robert destacou que na véspera da eleição, o senador mandou uma mensagem chamando ele para apostar quem venceria as eleições na cidade de Piracuruca, que é a cidade natal do ex-deputado.

Grupo de pornografia

Robert Rios disse ainda que Ciro administra um grupo no WhatsApp que é voltado para pornografia, com mulheres praticando sexo explícito de todas as formas, mas destacou que não tinha certeza se tinham imagens de menores nesse grupo.

  • Foto: Helio Alef/GP1Senador Ciro Nogueira Senador Ciro Nogueira

Imagens da Polícia Federal

Durante a campanha algumas charges foram divulgadas nas redes sociais, onde Robert Rios aparecia em viaturas da Polícia Federal e Ciro Nogueira aparecia fugindo do carro. Robert negou ser o autor das charges e afirmou que por ter sido servidor do órgão por 30 anos, tem seu nome reconhecido pela sociedade por ter atuado com delegado da Polícia Federal. Ele negou ser o responsável por qualquer imagem com símbolo da PF.

Campanha eleitoral

Robert afirmou que Ciro teria usado de forma ilícita a Caixa Econômica Federal, os Ministério da Saúde e de Cidades. Ele afirmou que 18 dias antes da eleição de 2018, cada município do Piauí que tenha o código do fundo de participação de número 0.6 recebeu do Ministério da Saúde, por transferência voluntária o valor de R$ 100 mil, o que seria uma prática vedada pela lei eleitoral e que acredita que esses recursos foram enviados com o objetivo de financiar a campanha de Ciro Nogueira.

Publicação de Imagens

No depoimento o ex-deputado teve que justificar a publicação de algumas imagens nas suas redes sociais. Na ocasião ele negou ter uma conta no Instagram e que os perfis criados não são de sua autoria. Já em relação ao Facebook, ele disse que realmente usa a rede social. Ele destacou que recebia muitas mensagens e imagens por grupos, entre eles o “Xico Prime”, mas que não tem envolvimento com elas.

Perícia em celulares

Robert Rios aproveitou a oportunidade para pedir uma perícia no celular de Ciro Nogueira para que sejam periciadas as mensagens encaminhadas pelo senador. O ex-deputado afirmou que também autorizava uma perícia no seu aparelho celular.

Ciro Nogueira ignora declarações de Robert

Na quinta-feira (08) o senador comentou as acusações realizadas por Robert Rios. Ciro afirmou que seu ‘desafeto’ quer aparecer, mas avisou que não vai perder tempo, sobretudo, agora que o ex-deputado não tem mandato.

“Eu nunca perdi tempo com o Robert, nem no tempo que ele tinha mandato, imagina agora. Eu não vou perder meu tempo, eu tenho tanta coisa para fazer por este Estado. O Robert está querendo aparecer, não vou perder tempo com ele não”, afirmou o senador Progressista.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

“Nunca perdi tempo com Robert”, dispara senador Ciro Nogueira

Robert Rios pede perícia no celular do senador Ciro Nogueira

Robert vai depor nesta quarta em processo movido por Ciro Nogueira