São Braz do Piauí - PI

Vereadora de São Braz do Piauí é acusada de uso indevido de veículo

A portaria nº 14/2020 foi assinada pela promotora de Justiça Gabriela de Santana Almeida, no dia 7 de agosto.

Wanessa Gommes
Teresina

O Ministério Público do Estado do Piauí instaurou inquérito civil para investigar denúncia contra a vereadora de São Braz do Piauí, Rose Alves da Silva, acusada de usar indevidamente veículo da Secretaria de Saúde do Município a passeio. A portaria nº 14/2020 foi assinada pela promotora de Justiça Gabriela de Santana Almeida, no dia 7 de agosto.

De acordo com a portaria, as imagens e o teor da denúncia encaminhada à promotoria noticiou uso irregular do veículo Mitsubishi, modelo L200 Triton, de cor branca e placa PIZ-4448, pertencente ao Município de São Braz do Piauí, o qual estaria na cidade de Serrana, em São Paulo, em uso particular pela vereadora Rose Alves da Silva.

Segundo a promotora, os fatos noticiados indicam, caso sejam comprovados, a possível existência de atos de improbidade administrativa que atentam contra os princípios da administração pública e outras irregularidades.

A representante do Ministério Público determinou a realização de buscas no aplicativo Google Maps a fim de localizar a rua na qual estaria estacionado o veículo e a requisição de informações sobre a utilização do mencionado veículo no mês de julho de 2020.

Outro lado

A vereadora Rose Alves não foi localizada pelo GP1.