Piauí

Wellington Dias autoriza divulgação da tabela salarial de 2018

Segundo o governador, mesmo com a crise econômica vigente, o Estado está conseguindo pagar os servidores.

Laura Moura
Teresina
Nayrana Meireles
Teresina
- atualizado

O governador Wellington Dias autorizou na manhã desta quarta-feira (20), a tabela salarial dos servidores para o ano de 2018. Segundo o governador, mesmo com a crise econômica vigente, o Estado está conseguindo pagar os servidores e planeja continuar com os investimentos no ano que vem.

“Hoje autorizei a tabela salarial do ano de 2018. Em 2018 nós vamos também fazer investimentos e não só pagar os servidores. Este ano nós cumprimos a tabela, mas precisamos também manter os serviços funcionando. Hoje no país ainda temos cerca de 1,5 milhão e meio de servidores que não receberam o 13º. Claro que nós temos problemas, mas vamos superar e seguir com mais investimentos urbanos e rurais, voltando para o desenvolvimento do Piauí”, afirmou.

  • Foto: Laura Moura/GP1Wellington DiasWellington Dias

Segundo o governador, a economia regrediu e está no nível de 7 anos atrás. “Quando olhamos para a crise econômica, hoje temos um Piauí que voltou ao patamar de 2010, ou seja, a nossa economia, os problemas de desemprego, os problemas sociais voltaram ao que era a sete anos atrás. Isso é um estrago muito grande, mas acredito que em 2018 vamos ter grandes vitórias. Neste ano, a economia chegou a um patamar tão baixo, que acredito que não é mais possível regredir. No próximo ano, vamos querer seguir dando oportunidades para o povo piauiense”, disse.

Wellington Dias disse ainda que, em meio as dificuldades, o Piauí conseguiu alcançar grandes vitórias. “É um ano que eu só tenho a agradecer a todo o povo do Piauí, o setor público e privado, pelas vitórias que tivemos. Claro que tivemos dificuldades, mas quando elas aparecem, as vitórias são maiores ainda. E agradecer a Deus, principalmente, acho que a gente aprende muito com essas dificuldades. E neste final de ano, além de desejar todas as esperanças para o ano de 2018, eu posso afirmar que apesar da crise política e econômica, nós vamos ter um ano melhor. Além de escolas, fizemos investimentos na área da saúde, descentralizando os atendimentos e construindo mais hospitais, casas de parto e mais UTis. Fizemos asfaltamento, iluminação, cultura, esporte, habitação, em todos os municípios do Estado e queremos continuar avançando”, completou.

Mais conteúdo sobre: