Política

Wellington Dias discute segurança com Sérgio Moro em Brasília

O governador explicou que um dos objetivos do encontro é discutir sobre os investimentos que devem ser realizados na área da segurança pública.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O governador Wellington Dias (PT) participa na manhã dessa quarta-feira (12), em Brasília, do Fórum dos Governadores do Nordeste, com a presença do ex-juiz Sérgio Moro, do presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), Dias Toffoli, do presidente do Superior Tribunal de Justiça, ministro João Otávio de Noronha, e do ministro da Segurança Pública, Raul Jungmann.

O governador explicou que um dos objetivos do encontro é discutir sobre os investimentos que devem ser realizados na área da segurança pública. “Fiquei de apresentar pelos governadores do fórum anterior algumas propostas que são os eixos do novo sistema único de segurança do Brasil. Assim como temos um sistema único de saúde, o Brasil passou a contar a partir desse ano, com um sistema único de segurança e nele queremos a proteção das fronteiras, ter nesse fundo um critério para ampliar o contingente humano, o uso de tecnologia para garantir a prevenção e combate ao crime, não só o organizado, mas o patrimonial também”, explicou.

  • Foto: André OliveiraWellington Dias no Fórum dos Governadores Wellington Dias no Fórum dos Governadores

Wellington Dias destacou a necessidade de se colocar metas nessa área da segurança pública. “Assim como na saúde, onde temos metas, nós também queremos metas, criar parâmetros para cada estado. A meta já estabelecida pelo ministro Raul Jungmann é de redução de 3,5% de homicídios pra a 2019, como está crescendo 4% ao ano, reduzir esse percentual significa na prática 7,5%, então o Piauí é um dos poucos estados que tem queda”, afirmou.

  • Foto: André OliveiraWellington Dias durante Fórum dos Governadores do Nordeste em BrasíliaWellington Dias durante Fórum dos Governadores do Nordeste em Brasília

O governador Wellington Dias explicou que é preciso conseguir recursos para investir nessa área. “Existe a necessidade de um fundo. Então estamos trabalhando não só os recursos das bilheterias, mas a regulamentação de jogos na internet, que é uma realidade no Brasil, onde não é tributada, para gerar algo entorno de R$ 21 bilhões por ano, então esse caminho que quero apresentar e espero que o governo possa caminhar nesse principal problema do Brasil”, finalizou.

Confira as propostas apresentadas por Wellington Dias para a Segurança Pública do Brasil: