GP1

Teresina - Piauí

Família de jovem desaparecido há 10 dias faz manifestação em Teresina

O jovem Luiz Gerônimo, de 24 anos, desapareceu no dia 04 de setembro em São Miguel do Tapuio.

Renato Rodrigues/GP1 1 / 5 Cartazes de procura por Luiz marcaram o ato Cartazes de procura por Luiz marcaram o ato
Renato Rodrigues/GP1 2 / 5 Durante o ato, adultos e crianças seguravam cartazes sobre Luiz Durante o ato, adultos e crianças seguravam cartazes sobre Luiz
Renato Rodrigues/GP1 3 / 5 Paula Mayara, prima de Luiz, uma das organizadores das buscas pelo jovem Paula Mayara, prima de Luiz, uma das organizadores das buscas pelo jovem
Renato Rodrigues/GP1 4 / 5 Márcia Larisse, da Associação de Moradores da Vila da Guia Márcia Larisse, da Associação de Moradores da Vila da Guia
Renato Rodrigues/GP1 5 / 5 Familiares e amigos de Luiz Jerônimo fazem manifestação na Vila da Guia Familiares e amigos de Luiz Jerônimo fazem manifestação na Vila da Guia

Após dias de sofrimento e aflição, a família do jovem Luiz Gerônimo, de 24 anos, que desapareceu no último dia 04 de setembro, no município de São Miguel do Tapuio, fez uma manifestação na manhã desta terça-feira (14), no bairro Vila da Guia, onde o jovem reside, exigindo respostas dos órgãos responsáveis pela investigação do caso, que até o momento segue sem solução.

Em entrevista ao GP1, Márcia Larissa, que é presidente da Associação dos Moradores do bairro, informou que os familiares sofrem sem respostas da polícia. Ela também afirmou que as autoridades não demonstram efetivo interesse na realização das buscas pelo jovem.

“A família não tem resposta nenhuma. Nós não estamos vendo efetivamente nenhum trabalho, nenhum interesse e nenhuma atitude que realmente demonstre que a polícia esteja investigando. Nós estamos mobilizados nessa manifestação porque queremos uma resposta, porque já são 10 dias, são muitos dias para uma pessoa estar desaparecida”, lamentou Márcia.

Foto: Reprodução/WhatsAppLuís Jerônimo
Luís Gerônimo

Ainda conforme a presidente do bairro, familiares, amigos, vizinhos e grupos comunitários do bairro estiveram participando da manifestação, que aconteceu na praça do bairro Vila Nossa Senhora da Guia.

“Estamos pedindo justiça”

Ao GP1, a prima do jovem desaparecido, Paula Mayara, disse que a família clama por justiça, e informou que todos os procedimentos necessários já foram tomados.

“Eles falaram pra a gente que pegaram depoimento de todas as pessoas que estavam lá no dia do desaparecimento, e disseram que passaram a investigar, mas até agora não deram respostas. Nós estamos apelando, estamos pedindo justiça, queremos saber alguma coisa dos órgãos públicos pra ajudar a gente a saber o paradeiro do meu primo”, relatou a prima do jovem.

Renata Brenda, que também é prima de Luiz, declarou ao GP1 que o primo havia saído da empresa que trabalhava, mas continuava prestando serviços à empresa quando necessário. No dia em que foi visto pela última vez ele estava trabalhando para a empresa na cidade de São Miguel do Tapuio.

“Ele tinha dado baixa pouco antes, mas fez um acordo e continuou prestando serviços à empresa, e a empresa não está dando nenhum apoio aos familiares”, disse Renata Brenda.

Mobilização na internet

Dalila Xavier, participante do grupo coletivo de mulheres do bairro Vila da Guia, explicou que está sendo feita uma mobilização na internet, através das redes sociais, com intuito de expandir as buscas.

“A gente está dando apoio a essa família na questão de divulgar. O Gerônimo está desaparecido desde o dia 04, e estamos mobilizando da forma como a gente pode. Hoje estamos aqui fazendo essa manifestação. Também estamos compartilhando fotos deles, telefones para contato e também as redes sociais”, explicou.

Entenda o caso

A família do jovem Luís Gerônimo está aflita com o desaparecimento do jovem de 24 anos, que foi visto pela última vez no sábado (04), no município de São Miguel do Tapuio.

Conforme a prima do jovem, Paula, ele reside em Teresina, mas estava há uma semana em São Miguel do Tapuio, a trabalho. “Ele esteve em Teresina pela última vez no dia 29 de agosto, depois viajou para São Miguel do Tapuio, onde trabalha como técnico em uma empresa de internet. No sábado (04), ele saiu no carro da empresa e depois desapareceu”, contou a prima.

Os famliares pedem que em caso de qualquer pessoa avistar o jovem, que entrem em contato através do telefone (86) 9 8817-6901, de Paula Araújo, prima de Luiz.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.