GP1

Piauí

Cardiologista é encontrado morto dentro de apartamento em Teresina

A suspeita é de que ele tenha tido um infarto. Ele era irmão da prefeita de Murici dos Portelas, Ana Lina.

O médico cardiologista Antônio Luiz de Carvalho Cunha, 43 anos, foi encontrado morto dentro de seu apartamento, localizado na zona sudeste de Teresina, na tarde desta terça-feira (16). A suspeita é de que ele tenha tido um infarto. Ele era irmão da prefeita de Murici dos Portelas, Ana Lina.

Antônio era cardiologista de escol e hemodinamicista e trabalhava no Hospital Itacor e na UTI Covid-19 do Hospital Universitário da Universidade Federal do Piauí (HU/UFPI).

Foto: Reprodução/InstagramMédico Antônio Carlos
Médico Antônio Carlos

O médico morava sozinho e não teve contato com a família nos últimos dois dias, o que causou estranheza nos familiares que foram até o seu apartamento e já o encontraram morto.

O Conselho Regional de Medicina do Piauí (CRM-PI) e o Hospital Itacor divulgaram nota lamentando a morte do médico.

A post shared by CRM Piauí (@crmpiaui)

"Profissional de conduta ilibada e comprometido com a instituição. Desejamos os mais sinceros pêsames aos seus familiares e a toda a classe médica do Piauí pela perda irreparável do brilhante profissional", diz nota do Itacor.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.