GP1

Piauí

Pessoinha vai deixar a Secretaria Municipal da Juventude

“Ficou definido que ele irá conduzir a Eturb", disse o prefeito Dr. Pessoa ao GP1 nesta segunda-feira (05).

Diferentemente do que havia afirmando, o prefeito de Teresina, Dr. Pessoa, decidiu que o filho dele, João Duarte, o Pessoinha, vai sair da Secretaria Municipal da Juventude e ficará apenas na presidência da Empresa Teresinense de Desenvolvimento Urbano (Eturb). Atualmente ele ocupa as duas pastas.

No último sábado (03), o gestor havia afirmado que Pessoinha deixaria a Eturb para ficar apenas na Semjuv.

Foto: Reprodução/InstagramJoão Duarte, o Pessoinha
João Duarte, o Pessoinha

“Ficou definido que ele irá conduzir a Eturb porque está encantado com o modelo administrativo. Ele disse que quer conduzir o destino da Eturb, então já está certo que ele ficará na Eturb”, afirmou o prefeito em entrevista ao GP1, na manhã desta segunda-feira (05).

Ainda não há definição sobre quem vai ocupar a Secretaria da Juventude.

Foto: Lucas Dias/GP1Dr. Pessoa
Dr. Pessoa

Usina de asfalto

Dr. Pessoa anunciou ainda que a Prefeitura de Teresina vai comprar uma usina de asfalto. “Já está em andamento a compra de uma usina moderna de asfalto, que nós vamos usar para o consumo interno de Teresina, para ter condições de asfaltar onde for possível e vender asfalto para o estado ou estados circunvizinhos”, explicou o prefeito.

“Mais da metade do asfalto produzido para a cidade de Teresina vinha do Ceará, por isso que era difícil, se tornava caro, parecendo o petróleo. Hoje, a produção de asfalto por dia só dá para produzir menos de meio quarteirão, mas com essa usina de asfalto, nós vamos produzir por dia mais de 1 km de asfalto, é uma coisa gigantesca, vamos economizar, dar emprego e renda, asfalto mais barato e de melhor qualidade”, declarou.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.