GP1

Piauí

"É um vazio muito grande", diz Wellington Dias ao se despedir de Firmino

A declaração foi dada no cemitério Recanto da Saudade, onde ocorre a missa de corpo presente.

O governador do estado do Piauí, Wellington Dias (PT), lamentou a trágica morte do ex-prefeito Firmino Filho (PSDB) ao qual classificou como um líder bastante expressivo, com grande capacidade de articulação, e ressaltou que a perda do homem e pai de família deixa "um vazio muito grande” para todos.

A declaração foi dada no cemitério Recanto da Saudade, onde ocorre a missa de corpo presente reservada a amigos e familiares de Firmino Filho. No ocasião, o governador exaltou a capacidade de articulação do tucano e a tranquilidade para lidar com os problemas da cidade.

“É uma tristeza muito grande, é um vazio muito grande. Nessa hora, as famílias e os amigos precisam de muita força de Deus. Uma pessoa muito jovem, serena, mostrou sempre muita tranquilidade, muita capacidade de articulação. Vimos grandes momentos, agora mesmo na pandemia, demonstrou muita maturidade. Foi muito decisiva a posição dele, até para as outras pessoas compreenderem que independente da política, independente de divergências da política, a gente tinha que pensar na vida, no ser humano, colocar a vida em primeiro lugar. Então Firmino Filho tinha essa característica. Ele deixa uma história extraordinária de feitos na cidade de Teresina”, pontuou Wellington Dias.

Foto: Lucas Dias/GP1Governador do Estado do Piauí, Wellington Dias participa da missa de corpo presente de Firmino Filho
Governador do Estado do Piauí, Wellington Dias participa da missa de corpo presente de Firmino Filho

Wellington Dias fez questão de destacar o trabalho de parceria realizado entre ele e Firmino Filho ao longo dos mandatos em que, juntos, conseguiram conduzir ações para a cidade de Teresina, mesmo estando em palanques opostos.

“Na relação comigo, independente de quem é governo e quem é oposição, eu lembro de obras de mobilidade urbana. Eu acho que a mais destacada é essa parceria com a Águas de Teresina, o sistema que permitiu a cidade alcançar 100% com água, agora ampliando e se aproximando de 50% com esgotamento. Também na relação no dia a dia. No dia a dia sempre que tinha um problema eu recorria a ele e sempre que tinha um problema com Teresina para resolver com o Estado ele vinha também a mim. Por isso que ele deixa muita tristeza, era um líder bastante expressivo”, ponderou.

Foto: Lucas Dias/GP1Wellington Dias ao lado de Rafael Fonteles lamentou a morte de Firmino Filho
Wellington Dias ao lado de Rafael Fonteles lamentou a morte de Firmino Filho

O chefe do executivo estadual falou ainda da importância de Firmino no cenário político. "Ele foi muito importante, foi um dos maiores prefeitos da história, não só pela quantidade de mandatos mas também pelas realizações, essa maturidade dele permitiu que, independentemente de quem fosse governador, presidente da República, ele conseguia lidar. Foi boa a relação dele também com as bancadas federal e estadual, com certeza é um líder não apenas para Teresina, mas para o Piauí, um líder respeitado pelos seus feitos no Piauí", exaltou.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.