GP1

Polícia

DHPP prende acusados de tentar matar policial civil em Teresina

Outros dois mandados de prisão deverão ser cumpridos ainda contra os demais investigados, que ainda não foram localizados.

O Departamento de Homicídio e Proteção à Pessoa – DHPP – prendeu na manhã desta segunda-feira (01), dois homens acusados de participação na tentativa de latrocínio contra o policial civil Marcelo Duarte, ocorrida no último dia 17 de novembro de 2020 em um bar localizado no bairro Bela Vista, zona sul de Teresina.

De acordo com o delegado Jarbas Lima, com o avanço das investigações o DHPP conseguiu identificar quatro suspeitos de participação no assalto, que terminou com o policial alvejado com vários disparos de arma de fogo.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Marcelo Duarte investigador do 4º DP
Marcelo Duarte investigador do 12º DP

Dois deles de iniciais P.H.D.S.S e A. D. S. R foram localizados na Cadeia Pública de Altos, onde foi dado cumprimento aos mandados de prisão contra os dois alvos. Outros dois mandados de prisão deverão ser cumpridos ainda contra os demais investigados, que ainda não foram localizados.

Entenda o caso

O policial civil Marcelo Duarte, lotado no 12º DP, foi baleado com cinco tiros, na noite desta terça-feira (17), por volta das 21 horas, em um bar no bairro Bela Vista, na zona sul de Teresina por bandidos durante um assalto.

O GP1 apurou que quatro homens armados chegaram ao bar e anunciaram o assalto. O policial, que estava no local, reagiu e houve troca de tiros. Foram efetuados mais de 30 disparos. Marcelo foi alvejado com cinco tiros que atingiram a perna, braço e tórax. No momento da ação criminosa havia outras pessoas no local, mas ninguém mais ficou ferido.

Marcelo Duarte foi socorrido em seu próprio carro e encaminhado para o Hospital de Urgência de Teresina (HUT), onde passou por cirurgia e, atualmente, já está em campo, prestando serviço novamente.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.