GP1

Política

Prefeito Dr. Thales é denunciado por compra de votos em Paquetá

A denúncia foi feita por Manoel Gonçalves de Moura Filho, o Lito Gonçalves (PR), que disputou a eleição com Dr Thales. O aviso de intimação é do dia 16 de dezembro.

O prefeito do município de Paquetá, Thales Coelho Pimentel, o Dr. Thales (PMDB), foi denunciado à Justiça eleitoral por compra de votos, abuso de poder econômico e abuso de poder político durante o período de campanha em 2016. A Ação de Investigação Judicial Eleitoral (AIJE) tramita na 66ª zona eleitoral do Piauí.  

  • Foto: Facebook/ Thales Coelho PimentelDr ThalesDr. Thales

Dr. Thales tomou posse neste domingo, 1º de janeiro, junto com o vice-prefeito Anderson Clayton da Silva Barros e os nove vereadores que compõem a Câmara Municipal. O vice-prefeito também é investigado na ação que pede a cassação do registro, a cassação do diploma e a declaração de inelegibilidade dos dois (prefeito e vice).

A denúncia foi feita por Manoel Gonçalves de Moura Filho, o Lito Gonçalves (PR), que disputou a eleição com Dr. Thales. O juiz Clayton Rodrigues de Moura Silva determinou que Lito Gonçalves esclareça como aconteceu a suposta compra de votos e abuso de autoridade, “identificando quais são os eleitores beneficiados e/ou prejudicados”. O aviso de intimação é do dia 16 de dezembro.

Outro lado

Procurado pelo GP1, o prefeito Dr. Thales não foi localizado para comentar a denúncia. 

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.