GP1

Política

"Fizemos uma campanha limpa", diz Jeová Alencar após operação da PF

Jeová Alencar reforçou que está tranquilo e que a Polícia Federal cumpre seu papel de investigar as denúncias para esclarecer a verdade sobre os fatos.

O presidente da Câmara Municipal de Teresina, vereador Jeová Alencar (MDB), concedeu entrevista ao GP1 sobre a Operação Olaria, deflagrada na manhã desta sexta-feira (27), em que o parlamentar foi alvo de mandado de busca e apreensão da Polícia Federal na sua residência, a partir de uma investigação que apura compra de votos. Ele ressaltou que está à disposição da PF e que fez uma “campanha limpa e bonita”.

Jeová Alencar reforçou que está tranquilo e que a Polícia Federal cumpre seu papel de investigar as denúncias para esclarecer a verdade sobre os fatos.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Jeová AlencarJeová Alencar

“Na realidade a polícia faz o papel dela que é de investigar. Alguém denunciou essa pessoa e a polícia está cumprindo o papel dela. Estamos à disposição, não temos nenhum problema e temos a consciência de que fizemos uma campanha muito bonita e limpa, mas estamos à disposição”, pontuou.

Ao ser indagado se a deflagração da operação teria cunho eleitoral, haja vista a votação expressiva que recebeu nas urnas, Jeová ressaltou que PF cumpre apenas seu papel e que o objetivo eleitoreiro partiu de pessoas avessas ao seu cabo eleitoral.

“Acho que não [teve cunho eleitoral] por parte da polícia, mas da pessoa que denunciou o homem ligado à gente, foi questão de política, ainda mais com essa votação que tivemos. Uma pessoa pobre que teve 11 mil votos, ninguém acredita mesmo, as pessoas não aceitam a votação expressiva. Teresina sabe da campanha limpa e decente que fizemos. A polícia foi lá em casa, olhou as coisas e não levou nada e não encontrou nada de irregular, estou muito tranquilo”, reforçou.

NOTÍCIA RELACIONADA

Presidente da Câmara Jeová Alencar é alvo de operação da PF

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.