TV GP1

“Miguelão acha que é o novo capitão Correia Lima”, diz Robert Rios

Miguel Omar Barreto Rissi, mais conhecido como Miguelão, é réu na Justiça por crime ambiental no processo em que figura como vítima a Fazenda Guatambu.

  -   atualizado

Está marcada para o próximo dia 22 de outubro de 2020 a audiência de instrução e julgamento do ex-prefeito do município de Parnaguá, Miguel Omar Barreto Rissi, mais conhecido como Miguelão, que é réu na Justiça por crime ambiental no processo em que figura como vítima a Fazenda Guatambu, de propriedade do empresário pecuarista Rauf Nassar.

Em entrevista ao GP1, na manhã desta segunda-feira (19), o advogado Robert Rios Magalhães afirmou que o processo teve início ainda no ano de 2013, em função da prática reiterada de invasão à propriedade privada, que pertence ao empresário paulista Rauf Nassar, localizada em Parnaguá. Em uma das ações, Robert Rios relata que o ex-prefeito Miguelão invadiu a Fazenda Guatambu e iniciou a derrubada da vegetação na propriedade, inclusive, agredindo funcionários, se utilizando de arma de fogo para ameaçá-los entre os anos de 2009 a 2012.