Polícia

Disputa entre facções aumenta número de mortes em Teresina em 2022

Dados da SSP-PI revelam aumento de 21,53% nos 3 primeiros meses do ano.

A disputa por territórios entre grupos opostos fez explodir o número de homicídios nos primeiros meses deste ano em Teresina, aumentando cada vez mais a sensação de insegurança nas ruas.

Na zona sul da capital, onde há PCC e Bonde dos 40 disputando o mesmo espaço, surge o pedido de paz surge entre os constantes embates por poder nas comunidades de Teresina.

Um levantamento dos dados já consolidados pela Secretaria de Segurança Pública do Piauí contabilizou o total de 79 mortes violentas intencionais na capital, no primeiro trimestre de 2022, número 21,53% maior que o ano passado.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook

 
© 2007-2022 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.