Piauí

Delegada Vilma Alves afirma que lei Maria da Penha é positiva

"Dependendo do contexto social, a mulher apanha”, lamentou.

PRISCILA CALDAS

- atualizado

Nesta quinta-feira (24), a ex-miss Piauí, do ano de 2011, Renata Lustosa, que atualmente mora na Bahia, fez uma publicação em uma rede social, onde ela questionou a eficácia da “Lei Maria da Penha”.

Hoje (25), em entrevista ao GP1, a delegada da Mulher, Vilma Alves, falou sobre o comentário da ex-miss, destacando os pontos positivos da “Lei Maria da Penha”: “Uma lei que hoje tem o aval do poder judiciário, do Ministério Público, da Defensoria Pública do Estado, e que tem mais de cinco mil procedimentos registrados é a segunda maior lei do mundo, pois protege e garante a segurança constitucional da segurança da mulher”, afirmou.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Delegada WilmaDelegada Vilma

“Pela primeira vez, a gente ver agressores sendo presos, vemos agressores sendo tirados de dentro de casa – coisa que nunca se viu. Quando o casal tem filhos e existe o direito de guarda compartilhada, ela é suspensa, então eu lhe digo que essa é uma lei positiva, é uma lei atual”, complementou.

Só na segunda-feira (21), a Delegacia da Mulher registrou 14 Boletins de Ocorrências (B.O.), referentes a casos de agressões. “Se o Brasil perde, a mulher apanha; se o Flamengo perde, a mulher apanha; se o Vasco perde, a mulher apanha; dependendo do contexto social, a mulher apanha”, lamentou a delegada Vilma Alves.

  • Foto: Facebook/Renata LustosaRenata Lustosa Renata Lustosa foi agredida pelo companheiro
Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Delegada Vilma Alves afirma que lei Maria da Penha é positiva
http://www.gp1.com.br/noticias/delegada-vilma-alves-afirma-que-lei-maria-da-penha-e-positiva-404945.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.