PI - Teresina

Empresário Franly Lima é preso pela Polícia Civil no Atlantic City

A prisão aconteceu na manhã desta quarta-feira (30), no Atlantic City. 

BRUNNO SUÊNIO E LAURA MOURA

- atualizado

A Secretaria de Segurança do Estado do Piauí, por meio da Divisão de Capturas (Dicap), prendeu o empresário Francisco das Chagas Pereira Lima, o Franly, por atrasar 28 meses de pensão alimentícia, que somam 282 mil reais. A prisão aconteceu na manhã desta quinta-feira (30), por volta das 10h, no escritório do empresário no Atlantic City. Franly é dono do clube, e de outros empreendimentos como motéis, hotéis e meios de comunicação nos estados do Piauí e Maranhão.

A informação foi confirmada pelo delegado Geral da Polícia Civil do Piauí, Riedel Batista. “Ele foi preso por pensão alimentícia agora pela manhã, pela Dicap”, informou.

O delegado Odílio, da Divisão de Capturas, confirmou ao GP1 que o empresário foi preso por não pagar a pensão alimentícia mas o caso ainda está em litígio.

  • Foto: Facebook/Franly LimaFranly LimaFranly Lima

Empreendimentos

Franly é proprietário de vários empreendimentos, como o Centro de Convenções Atlantic City World, a TV e a Rádio Verdes Campos Sat, a loja Look Noivas, Espaço Baby Kids e o Centro de Convenções Maranhense Eventos.

Ele ainda possui uma rede de hotéis e motéis, entre eles, o Hotel Cajuína, Pousada Cidade Verde, Pousada Cocais, Pousada dos Ipês, Pousada Center Norte, Resort Hotel Atlantic City Náutico Club, Sey La Motel, Studio 3 Motel, Você é Q Sabe Motel, Tô Aqui Motel, Pode ser Motel, Vamos Ver Motel, Não Sey Motel, Vem K Motel, Vamos Lá Motel, além do sex shop Desejo de Amor. Ele também é proprietário das Academias Top Hotel Cabana e da Top Resort Náutico.

Mais conteúdo sobre:

MAIS NA WEB