Política

PMDB e PT são os partidos que mais vão receber recursos de fundo

Partido Progressista (PP), acusado de chefiar o esquema de propina em uma da diretorias da Petrobras, tem 45 deputados, sete senadores e deve levar mais de R$ 157, 5 milhões.

BÁRBARA RODRIGUES

O polêmico fundo eleitoral, de R$ 1,7 bilhão, que será criado com recursos públicos para bancar acampanha dos políticos brasileirosirá beneficiar principalmente o PMDB, PT e PSDB que são os partidos com maior representatividade, assim como também possuem vários membros investigados por crimes de corrupção e lavagem de dinheiro.

  • Foto: Dida Sampaio/Estadão ConteúdoMichel TemerMichel Temer

O PMDB, que tem entre os seus membros o presidente Michel Temer, é o partido com mais representatividade na Câmara e no Senado, e é o que mais vai receber o dinheiro público do novo fundo. Segundo a CBN ,a estimativa é que o valor fique em torno de R$ 275 milhões.

O segundo partido que mais será beneficiado é o PT que deve receber R$ 250 milhões e depois aparece o PSDB com R$ 218 milhões. Esses partidos possuem dois dos principais investigados da Lava-Jato, Lula e Aécio Neves.

Os três partidos devem receber R$ 740 milhões, quase 40% de todo o recurso destinado ao fundo. O Partido Progressista (PP), acusado de chefiar o esquema de propina em uma da diretorias da Petrobras, tem 45 deputados, sete senadores e deve levar mais de R$ 157, 5 milhões .

  • Foto: Lucas Dias/GP1Lula recebe título na Universidade Federal do PiauíLula

Segundo a proposta sancionada por Michel Temer, os partidos com mais representatividade na Câmara e no Senado receberão mais recursos. Somente 2% dos recursos do fundo serão distribuídos de maneira igualitária para todos, ou seja, partidos que não possuem deputados e nem senador, devem receber cerca de R$ 1,1 milhão de dinheiro público para as eleições. Entre os beneficiados está o do PSTU, PCO, PRTB e outros seis partidos.