Piauí - Redenção do Gurgueia

Prefeito Delano Parente é preso novamente pelo Gaeco em Teresina

Após a sua primeira prisão, Delano conseguiu uma liminar na justiça e estava em liberdade, mas agora a decisão foi revogada pelo STF.

BÁRBARA RODRIGUES E BRUNA DIAS

- atualizado

O prefeito Delano Parente, de Redenção do Gurguéia foi preso novamente na manhã desta terça-feira (11), em sua residência no bairro Ilhotas, na zona sul de Teresina, acusado de fraudar licitações durante sua gestão na prefeitura. A prisão aconteceu após o Supremo Tribunal de Justiça (STJ) suspender a liminar que tinha garantido a liberdade do prefeito. Delano vai ficar preso no Comando Geral da Polícia Militar.

  • Foto: Facebook/Delano ParenteDelano ParenteDelano Parente

Delano foi preso em julho deste ano na Operação Déspota coordenada pelo Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco). Cerca de 17 empresas estão sendo investigadas por participar do esquema e áudios das negociações foram divulgadas. Após a sua primeira prisão, Delano conseguiu uma liminar na justiça e estava em liberdade, mas agora a decisão foi revogada pelo STF.

“Ele já sabia desde sexta-feira [da decisão do STJ], mas não se apresentou. Então nós tivemos que ir à procura, já que tinha um mandado para ser cumprido e, ele foi preso em casa. Não esboçou nenhuma reação, o advogado o acompanhou e ele disse que tinha interesse em esclarecer os fatos investigados", disse o promotor Rômulo Cordão, coordenador do Gaeco e que comanda as investigações.

  • Foto: Bruna Dias/GP1Promotor Rômulo CordãoPromotor Rômulo Cordão

Sobre as acusações de Delano, por meio de redes sociais, de que o órgão estaria beneficiando os políticos adversários dele, o promotor afirmou que “o Ministério Público não tem partido, aliás as investigações foram iniciadas pela promotora Gabriela de Redenção de Gurguéia,  e depois foi desenvolvida pelo Gaeco. Vários profissionais estão participando, são vários promotores, delegados e juízes que dão as medidas, então é um argumento muito fajuto dizer que todas essas instituições e autoridades eventualmente estariam perseguindo o gestor. Isso faz parte da sua defesa, de tentar prejudicar essas instituições que estão fazendo o seu dever”.

Quanto a prisão, a assessoria do Ministério Público informou que “a equipe do GAECO tentou cumprir o mandado imediatamente, mas o réu não havia sido encontrado. De acordo com as novas informações, o prefeito estava se escondendo em uma residência no município de Teresina, onde foi localizado pela polícia, que executou a prisão”.

Eleições

Delano Parente chegou a disputar a eleição, mas não conseguiu se reeleger já que Angelo José Sena Santos, mais conhecido como Dr. Macaxeira (PHS), foi eleito prefeito de Redenção do Gurguéia após conseguir 62,62%. Delano Parente ficou em segundo lugar com 31,05%.

Nota do Ministério Público

O Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (GAECO), do Ministério Público do Estado do Piauí, informa que o Prefeito do Município de Redenção do Gurgueia, Delano Parente, foi preso na manhã de hoje (11), em Teresina. O prefeito estava foragido desde a semana passada, quando foi expedido um mandado de prisão em seu nome.

Em julho deste ano, o MPPI promoveu a Operação Déspota, que desbaratou um grande esquema de fraudes em licitações. Na época, Delano Parente foi preso sob a acusação de comandar a organização criminosa. O réu obteve uma liminar em sede de habeas corpus, mas o Superior Tribunal de Justiça (STJ) cassou essa determinação.

A equipe do GAECO tentou cumprir o mandado imediatamente, mas o réu não havia sido encontrado. De acordo com as novas informações, o prefeito estava se escondendo em uma residência no município de Teresina, onde foi localizado pela polícia, que executou a prisão.

Segundo informações da Assessoria do Ministério Público, o prefeito estava foragido e após receber informações conseguiu localizar Delano. “A equipe do GAECO tentou cumprir o mandado imediatamente, mas o réu não havia sido encontrado. De acordo com as novas informações, o prefeito estava se escondendo em uma residência no município de Teresina, onde foi localizado pela polícia, que executou a prisão”, informou.

Mais conteúdo sobre:

Link do texto:

Prefeito Delano Parente é preso novamente pelo Gaeco em Teresina
http://www.gp1.com.br/noticias/prefeito-delano-parente-e-preso-novamente-pelo-gaeco-em-teresina-402686.html

© 2007-2016 GP1 - O Primeiro Grande Portal do Piauí. Todos os direitos reservados. É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.