GP1

É fake news que deputados piauienses votaram contra prorrogação do auxílio emergencial


É fake news a informação que circula em grupos de WhatsApp dando conta que os deputados federais piauienses, Átila Lira, Capitão Fábio Abreu, Marina Santos, Margarete Coelho, Júlio Cesar, Flávio Nogueira e Marcos Aurélio Sampaio votaram contra a prorrogação do Auxílio Emergencial.

A suposta votação teria ocorrido na última quarta-feira (15).

  • Foto: Reprodução/WhatsAppFake news sobre votação do auxílio emergencialFake news sobre votação do auxílio emergencial

Na verdade, os deputados votaram e aprovaram o Projeto de Lei 2801/20, que proíbe a Justiça de bloquear o Auxílio Emergencial em decorrência de dívidas, com exceção de pensão alimentícia. Nessa votação, o relator, deputado Áureo Ribeiro (Solidariedade-RJ), rejeitou emenda do PT que propunha prorrogar a ajuda de R$ 600 até o fim do ano. O parlamentar considerou a emenda inadequada e recusou o recurso do PT contra a decisão.

Ou seja, um outro projeto de lei em tramitação na casa, com objetivo diferente da prorrogação do Auxílio, ganhou um “jabuti” com o tema do pagamento de mais parcelas do benefício. Como não se tratava de assunto relativo ao projeto de lei em questão, a emenda foi rejeitada na comissão da Câmara que analisou previamente a matéria. Ou seja, a prorrogação do Auxílio Emergencial nem sequer chegou ao plenário da Casa.

*** Este texto não reflete, necessariamente, a opinião do GP1

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.