Fechar
GP1

Brasil

Presidente do Solidariedade Eurípedes Júnior se entrega à PF

Dirigente partidário é suspeito de desviar verbas dos fundos partidário e eleitoral nas eleições de 2022.

Eurípedes Júnior, presidente do Solidariedade, se entregou à Polícia Federal no final da manhã deste sábado (15), em Brasília. Suspeito de operar um esquema de desvio de recursos do fundo partidário e eleitoral, ele estava foragido desde a última quarta-feira (12).

Segundo a PF, Eurípedes Júnior se apresentou por volta de 11h45, acompanhado de um advogado. Ele foi alvo de uma operação que apura desvios de recursos nas eleições de 2022, dos fundos partidário e eleitoral do PROS – partido incorporado pelo Solidariedade no ano passado.

Foto: Marcelo Cardoso/GP1Eurípedes Macedo Júnior
Eurípedes Júnior

A PF investiga o desvio de aproximadamente R$ 36 milhões, quando Eurípedes era presidente do PROS. Ele chegou a ter o nome incluído na lista vermelha da Interpol, antes de se entregar neste sábado.

Comando do Solidariedade

A direção nacional do Solidariedade divulgou nota nessa sexta-feira (14), informando que Eurípedes havia pedido licença da presidência por prazo indeterminado. Com isso, o deputado federal Paulinho da Força assume o comando acional da sigla, até ulterior deliberação.


Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.