Fechar
GP1

Brasil

Governo do RS oferece R$ 450 para incentivar adoção de animais

Atualmente, cerca de 15,2 mil animais estão abrigados em 353 áreas de acolhimento, após as enchentes.

O governador do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite, anunciou um projeto para incentivar a adoção de animais domésticos que foram resgatados das enchentes no estado. O governo vai encaminhar à Assembleia Legislativa, o projeto de lei que propõe o pagamento de R$ 450 por animal adotado.

“Já fizemos feiras de adoção de animais, mas a gente sabe que muitas pessoas podem querer ter um animal e acabam não tendo condições para poder cuidar dele nesses momentos”, disse Eduardo Leite por meio de um vídeo publicado nas redes sociais.

Atualmente, aproximadamente 15,2 mil animais estão abrigados em 353 áreas de acolhimento pelo RS.


O valor deverá ser utilizado a cobrir os gastos com cuidados dos bichos durante seis meses. Segundo Leite, o valor será pago em duas parcelas no valor de R$ 225, sendo que a primeira será paga no momento da adoção, e a segunda, três meses após o acolhimento. Nesse período, a prefeitura realizará o acompanhamento das condições do animal que foi adotado.

O projeto desenvolvido pelo Gabinete de Projetos Especiais do vice-governador e pela Secretaria do Meio Ambiente e Infraestrutura (Sema), prevê investimento total de R$ 6,86 milhões e abrange a adoção de até dois animais.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.