Fechar
GP1

Brasília - Distrito Federal

Governo Lula lança “portal contra discurso de ódio” na internet

O site criado teria como objetivo auxiliar também no combate ao "extremismo digital" no país.

O governo do presidente Luiz Inácio Lula da Silva lançou, nesta terça-feira (18), o portal “Ódio ou Opinião”. O site teria como objetivo auxiliar na identificação de discurso de ódio no mundo virtual e combater o “extremismo digital” no país. O portal vai ser administrado pelo Ministério dos Direitos Humanos e da Cidadania, de Silvio Almeida.

De acordo com informações do jornal Folha de S. Paulo, a ação faz parte da Campanha Nacional de Enfrentamento ao Discurso de Ódio no Brasil, promovida pelo órgão, cujo slogan é “Discurso de ódio não é opinião”. O site, disponível no endereço odioouopinião.mdh.gov.br, foi lançado no Dia Internacional ao Discurso de Ódio.

“A ação tem o objetivo de mostrar que uma simples opinião é diferente de episódios em que há discurso de ódio”, alegou o ministério. “Além de ressaltar que a liberdade de expressão tem limite quando afeta alguém de forma criminosa.”

Influenciadora de esquerda admite esquema de disseminação de notícias falsas

A medida ocorre após a influenciadora digital Denise Tremura, que tem mais de meio milhão de seguidores, ter admitido a existência de um esquema de disseminação de fake news contra opositores de Lula. A confissão foi feita na noite da segunda-feira, dia 10, por meio da rede social X (antigo Twitter).


Um vídeo publicado pelo portal independente The Incorrupt mostra quando Denise diz que Lula precisa “meter um Janones” na Secretaria de Comunicação Social para pautar as discussões da esquerda, assim como foi feito durante o segundo turno das eleições.

Segundo a influenciadora, o deputado federal André Janones (AVANTE-MG) “comandou a campanha inteira” de Lula. “Era o Janones que estava pautando”, afirmou, no Twitter/X. “Aí, os bolsonaristas não tinham tempo de espalhar fake news, porque eles estavam ocupados desmentindo as nossas fake news. É isso que tem que acontecer.”

Com informações do repórter Rafael Rocha

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.