GP1

Economia e Negócios

Piauí encerrou 1º trimestre de 2021 com R$ 3,6 bilhões em impostos

Quando comparado com o ano passado, houve um aumento de quase de 20% em um ano.

Após o fim do mês de março deste ano o Piauí encerrou o seu primeiro trimestre com mais de R$ 3,6 bilhões arrecadados somente com impostos pagos pela população. Os dados são do Impostômetro da Associação Comercial de São Paulo (ACSP), que contabiliza os montantes arrecadados pelos estados e municípios brasileiros.

Ao longo de três meses, o Piauí recebeu exatos R$ 3.656.216.592,41 em impostos. Quando comparado com o ano passado, quando o estado teve R$ 3.048.638.364,62, houve um aumento de quase de 20% em apenas um ano.

Desde 2020, com o retorno das atividades comerciais, a arrecadação de impostos voltou a registrar números mais altos, fazendo com que a retomada da economia no Piauí melhorasse o ritmo após os danos causados pela pandemia do novo coronavírus.

Em janeiro de 2021, o Piauí obteve, mais precisamente, o montante de R$ 1.492.391.427,75 durante todo os 31 dias do mês. Em fevereiro, mesmo sendo o menor mês do ano, o estado novamente superou mais de R$ 1 bilhão e teve o montante de R$ 1.061.940.344,00 arrecadado durante os 28 dias. Já em março, o último mês do trimestre, os piauienses pagaram R$ 1.101.884.820,64.

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.