GP1

Entretenimento

Zezé defende e até elogia Zilu após rumores contra ela


ISIANE GONÇALVES, DO GP1

Depois que Zezé Di Camargo usou o seu perfil do Instagram para publicar um texto enigmático, algumas notícias deram conta que a sua ex-mulher Zilu estava pressionando o sertanejo para que ele rompesse seu namoro com a jornalista Graciele Lacerda. O cantor usou mais uma vez as redes sociais para desmentir os boatos, e até defendeu com elogios a mãe de seus filhos.

“Queria usar esse espaço aqui, apenas pra trocar ideias, falar com meus seguidores de coisas boas e de minha carreira. Mais uma vez tenho que vir aqui pra desmentir uma notícia. Novamente o ‘Jornal Extra’, do Rio, solta uma inverdade sobre mim e minha ex-mulher. A Zilu é uma pessoa digna e merecedora do meu respeito. Ela está vivendo a vida dela com a maior dignidade!! Isso que o Jornal escreveu é uma mentira absurda!! Zilu é minha amiga, mãe dos meus filhos e minha companheira. Ela não me incomoda em nada!” escreveu Zezé, visivelmente irritado.

Imagem: ReproduçãoClique para ampliarZezé Di Camargo e Zilu(Imagem:Reprodução)Zezé Di Camargo e Zilu
No texto que o cantor publicou e deixou dúvidas no ar, ele dizia que: “Quando você vem aqui e fala de mim, está esquecendo de pensar em você mesmo. Pense apenas que não tenho que ser o que você quer ou pensa. Pense no que você pode ser e onde pode chegar. Sou um vencedor e você pode ser também!! O mesmo Deus que me ama, ama você também. A escolha é sua!! Ou você vive a sua vida e seja feliz, ou vive a minha e seja infeliz. Fica a dica!!”.

Na sua última publicação onde explicava o mal entendido, ele ainda fez referência ao texto que gerou essa situação: “O texto que fiz não foi pra ela e, sim, para pessoas que, como vocês desse Jornal, preocupa demais com a vida dos outros. Deixem a Zilu em paz, pelo amor de Deus!!!”, concluiu Zezé.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2021 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.