Fechar
GP1

Mundo

Japão cria aplicativo de namoro para impulsionar taxa de natalidade

Os usuários da plataforma deverão apresentar um comprovante de renda e comprovar que são solteiros.

O governo do Japão divulgou, na terça-feira (04), que lançará um aplicativo de namoro nos próximos meses, com o objetivo de tentar aumentar a taxa de natalidade no país. O governo exigiu que apenas os japoneses residentes do país poderão se inscrever no app.

Os usuários que quiserem acessar a plataforma deverão primeiro comprovar que são legalmente solteiros, assinar um documento em que afirmam estar dispostos a se casar, além de apresentar um comprovante de renda. Também é necessário passar por uma entrevista para confirmar a identidade.

Baixa natalidade

No ano passado, os nascimentos no país diminuíram 5,1%. Ao todo, foram registrados 758,6 mil nascidos. Esse foi o oitavo ano consecutivo em que o número de natalidade no país caiu.


Já o número de mortes foi mais que o dobro dos nascimentos registrados, marcando 1,5 mil. Por conta dessa baixa na natalidade, o país enfrenta uma escassez de mão de obra.

Diante desse cenário, o primeiro-ministro japonês, Fumio Kishida, prometeu criar políticas públicas para incentivar os casais japoneses a terem filhos.

Mais conteúdo sobre:

Ver todos os comentários   | 0 |

Facebook
 
© 2007-2024 GP1 - Todos os direitos reservados.
É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita do GP1.