Teresina - PI

Acusada de invadir e furtar casas é presa na zona sul de Teresina

Ela foi presa em casa, na Prainha, zona sul da Capital.

- atualizado

Policiais civis do 1º Distrito Policial, localizado no centro sul de Teresina, efetuaram na manhã desta terça-feira (16), a prisão de Maria da Cruz de Morais Silva, suspeita de invadir várias casas e praticar furtos. Ela foi presa em casa, na Prainha, zona sul da Capital.

A mulher já responde a outros processos por furto e estava em liberdade provisória. Ao GP1, o delegado Sérgio Alencar, titular do 1º DP, disse que Maria da Cruz foi presa em decorrência de um mandado de prisão expedido pela Justiça. "A especialidade dela é furto. Ela é suspeita de invadir a casa de um oficial do exército e também a casa da irmã de um juiz muito conhecido em Teresina", disse o delegado.

  • Foto: Divulgação/Polícia CivilMaria da Cruz de Morais SilvaMaria da Cruz de Morais Silva

"A atuação dela era muito ampla, tem registro de boletins de ocorrência contra a presa no 9º DP na zona norte, 12º DP na zona leste, 11º DP região da Piçarreira, 2º DP no bairro Primavera, e aqui no 1º DP. Ou seja, ela agia praticamente na cidade toda’’, ressaltou Sérgio Alencar.

De acordo com o delegado, Maria da Cruz chegava nas residências e apertava a campainha. Se não aparecesse ninguém ela entrava na casa. Em um vídeo registrado por uma câmera de segurança, a mulher aparece praticando a ação junto com uma comparsa.

A Polícia Civil confirmou ainda que em um dos furtos ela levou de uma residência bens avaliados em mais de R$ 50.000,00.

Repórter Fábio Wellington

Mais conteúdo sobre: