Manaus - AM

Acusado de aplicar golpe milionário no Piauí é preso em Manaus

De acordo com o delegado Leonardo Alexandre, o acusado começou a atuar no Piauí em 2010, com uma empresa chamada Esperantina Prêmios, responsável por fazer consórcios de motocicletas.

Brunno Suênio
Teresina
- atualizado
  • Foto: Divulgação/PC-AMLaércio Araújo de SousaLaércio Araújo de Sousa

Um homem identificado como Laércio Araújo de Sousa foi preso no início da tarde desta segunda-feira (11), na cidade de Manaus-AM, acusado de estelionato. Ele é apontado pela Polícia Civil do Piauí como o responsável por aplicar golpes na cidade de Esperantina, onde fez centenas de vítimas, que juntas tiveram prejuízos de mais de R$ 10 milhões.

De acordo com o delegado Leonardo Alexandre, responsável pelo inquérito, Laércio começou a atuar no Piauí em meados de 2010, com uma empresa chamada Esperantina Prêmios, responsável por fazer consórcios de motocicletas.

“Ele trabalhava na modalidade compra premiada, onde se formava grupos de 48 pessoas e aquelas premiadas eram abonadas do pagamento das demais parcelas. Esse método é fraudulento, pois não tem como prosperar, não tem autorização para funcionar e configura estelionato, por que ele aufere um benefício financeiro em detrimento do prejuízo do outro”, explicou.

Ainda segundo o delegado, sem ter mais garantia das premiações, várias pessoas passaram a denunciá-lo à Polícia Civil. “Em 2015 a bolha estourou e ele não teve mais como fazer o repasse das premiações. A partir daí, centenas de pessoas acumularam prejuízos milionários e foi insaturado um inquérito policial, onde foram escolhidas 25 vítimas para serem ouvidas. Quando a polícia começou as diligências, ele empreendeu fuga da cidade de Esperantina”, acrescentou.

Durante as investigações, a Polícia Civil do Piauí obteve a informação que o acusado estaria na cidade de Manaus e passou a trocar informações com a Central de Inteligência do Ministério da Justiça, que colaborou com a localização de Laércio. “Nós conseguimos localizá-lo em Manaus e foi solicitado que o serviço de inteligência fizesse o cumprimento do mandato e hoje eles conseguiram efetuar a prisão”, acrescentou o delegado Leonardo Alexandre.

Ainda conforme o delegado, somente uma das vítimas chegou a ter prejuízo de R$ 90 mil. Laércio Araújo de Sousa será recambiado para o Piauí nos próximos dias.

Mais conteúdo sobre: