Piauí

Bolsonaro deve desembarcar em São Raimundo Nonato na próxima sexta

O senador Elmano Férrer, um dos vice-líderes do Governo no Senado, informou que o presidente vai sobrevoar obras da transnordestina e deve desembarcar na cidade piauiense.

Andressa Martins
Teresina
- atualizado

O presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) deverá desembarcar em São Raimundo Nonato, distante 530 quilômetros de Teresina, no próximo dia 10 de julho. O senador Elmano Férrer (Podemos) confirmou a informação ao GP1 neste sábado (4).

Elmano, que é um dos vice-líderes do Governo no Senado, informou que o ministro do Desenvolvimento Regional, Rogério Marinho, o contatou informando sobre a possibilidade de o presidente desembarcar no Aeroporto de São Raimundo Nonato.

  • Foto: Divulgação/AscomJair Bolsonaro, Elmano Férrer e ministro Tarcísio Gomes Jair Bolsonaro, Elmano Férrer e ministro Tarcísio Gomes

Bolsonaro vai inaugurar adutora no município de Campo Alegre de Lurdes/BA, para captação de água do São Francisco, em Pilão Arcado, e como haverá troca aeronave, no aeroporto de São Raimundo Nonato. A visita será acompanhada ainda do ministro da Integração, Tarcísio de Freitas.

Para aproveitar a oportunidade de estar em solo piauiense, Elmano tenta viabilizar uma visita de Bolsonaro a um dos museus do Parque Nacional da Serra da Capivara, considerado Patrimônio Cultural da Humanidade pela Unesco. O parque conta com o Museu do Homem Americano e Museu da Natureza.

“Ele não vem especificamente para São Raimundo, ele vai para o aeroporto que fica mais próximo dessa obra que ele vai visitar. Ele vai fazer um pouso estratégico e como vai estar já em São Raimundo, poderá fazer uma visita a um dos museus, mas isso ele vai decidir depois”, afirmou Elmano.

Mais conteúdo sobre: