Corrente - PI

Corpo de soldado da PM morto em Corrente é velado no 7º BPM

O corpo do policial está sendo velado desde às 9h, no 7º Batalhão da Polícia Militar.

Laura Moura
Teresina
- atualizado

O Comando Geral da Polícia Militar do Piauí emitiu uma nota, na manhã desta quinta-feira (01), lamentando a morte do soldado Gilson Luiz de Araújo, assassinado com um tiro no peito na noite de ontem durante uma tentativa de assalto no município de Corrente.

O corpo do policial está sendo velado desde às 9h, no 7º Batalhão da Polícia Militar. O soldado atuava na Força Tática de Corrente, tinha 32 anos e sua formação policial foi concluída no ano de 2015. Após o velório, o corpo de Gilson Luiz será levado para sua cidade de origem, Ibititá –BA, onde será sepultado.

  • Foto: Facebook/Gilson Luiz de AraújoGilson Luiz de AraújoGilson Luiz de Araújo

A PM lamentou a “irreparável perda de um bravo policial militar” e destacou que os dois acusados pelo latrocínio já foram capturados.

Confira a nota:

A Polícia Militar do Piauí lamenta a perda prematura de um integrante da Corporação, Soldado PM Gilson Luís de Araújo, da Força Tática do 7º BPM (Corrente), na noite dessa quarta-feira (31), durante um assalto praticado por dois indivíduos, já presos e autuados, pela pronta resposta do Major Hortêncio e seus comandados.

O Soldado PM Luís, 32 anos, formado em Floriano em 2015, servia na Força Tática de Corrente e deixa esposa e um casal de filhos.

O corpo será velado até as 9h na sede do 7º Batalhão, em Corrente, quando será transladado para sua cidade natal de Ibititá, Bahia, para o sepultamento.

O Comandante Geral da PMPI e toda a família policial militar se solidariza com os familiares e amigos pela irreparável perda de um bravo policial militar e rogamos o consolo divino para suportar este momento de profunda dor.

Cel PM Lindomar Castilho Melo
Comandante Geral da PMPI