Piracuruca - PI

Corpo do capitão Anderson é retirado das ferragens de carro

O veículo estava sendo conduzido pelo capitão Anderson, que perdeu o controle, saiu da pista e em seguida colidiu em uma árvore.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

A Polícia Rodoviária Federal no Piauí (PRF-PI), divulgou nesta quinta-feira (1º), um vídeo mostrando bombeiros retirando o corpo do presidente municipal do PSL, capitão Anderson, das ferragens de seu veículo. O militar morreu hoje após sofrer um acidente na BR 343, em Piracuruca.

Conforme o inspetor da PRF-PI, Alexsandro Lima, o acidente ocorreu por volta de 8h15 no município de Piracuruca. O veículo estava sendo conduzido pelo capitão Anderson, que perdeu o controle, saiu da pista e em seguida colidiu em uma árvore.

Devido a colisão, a vítima ficou presas as ferragens e foi necessário acionar o Corpo de Bombeiros. Por volta de meio-dia a equipe de bombeiros concluiu os trabalhos e o corpo do militar foi encaminhado para o Instituto de Medicina Legal de Teresina.

Seguia para Parnaíba

Anderson estava a caminho de Parnaíba, onde ajudaria a assessoria do prefeito Mão Santa a organizar a vinda do presidente Jair Bolsonaro, que acontece no próximo dia 14 de agosto. O capitão era bombeiro militar e faleceu aos 44 anos.

De acordo com o empresário Manoel Lopes, o Nel do Movimento Avança Piauí, no caminho o capitão parou em diversas cidades para falar com apoiadores do presidente Jair Bolsonaro. Anderson foi presidente da Associação de Bombeiros do Piauí e havia sido empossado como presidente do PSL de Teresina no mês de julho.