Cristino Castro - PI

Corpo é removido pelo IML após cinco dias às margens da BR 135

“O corpo passou cerca de cinco dias exposto ao sol e somente hoje no início da tarde ele foi retirado das margens da BR 135 pelo IML”, contou o sargento Sá Matos.

Victória Xavier
Teresina
- atualizado

O corpo de um homem, que foi encontrado encontrado por moradores no último domingo (29), às margens da BR 135, na cidade de Cristino Castro, só foi recolhido nesta sexta-feira (4) pelo Instituto de Medicina Legal (IML) de Teresina.

De acordo com a Polícia Militar de Cristino Castro, o corpo foi encontrado por populares e a PM só teve conhecimento do fato na manhã desta quinta-feira (3).

“O corpo passou cerca de cinco dias exposto ao sol e somente hoje no início da tarde ele foi retirado das margens da BR 135 pelo IML”, contou o sargento Sá Matos.

O cabo da Silva, também da PM de Cristino Castro, disse ao GP1 que o corpo estava bastante danificado. “Urubus e cachorros já tinham mexido no corpo. Acreditamos que a ossada estava ali faz dias”, informou o cabo da Silva.

Relembre o caso

Na manhã desta quinta-feira (3), o corpo de um homem em estado de decomposição foi encontrado por moradores às margens da BR 135, na cidade de Cristino Castro, Sul do Piauí.

De acordo com o cabo da Silva, da Polícia Militar de Cristino Castro, o corpo tinha marcas de facadas. “A camisa estava cortada com quatro golpes de faca. Ele estava vestindo uma calça jeans e uma camisa”, detalhou o cabo.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Corpo em estado de decomposição é encontrado às margens da BR 135

Mais conteúdo sobre: