Economia e Negócios

Dólar volta a abrir negociações estabilizado acima de R$ 5,60

Moeda americana acumula valorização superior a 40% neste ano.

Por  Estadão Conteúdo

O dólar iniciou as negociações desta sexta-feira, 16, de maneira estável, com variação de 0,2% para mais ou para menos, cotado no patamar de R$5,60, atingindo máxima de R$ 5,62 para o dia, em meio a um tom de instabilidade nos mercados internacionais, com receio sobre segunda onda de infeccções pelo novo coronavírus, causador da covid-19, na Europa e nos Estados Unidos. Países como França, Inglaterra e Portugal vêm adotando medidas mais restritivas de distanciamento social, o que tem efeito direto na recuperação econômica global. Desde, ao menos, fevereiro deste ano, os mercados sofrem as consequências diretas da disseminação da doença ao redor do mundo.

A moeda americana acumula valorização superior a 40% neste ano. No início de janeiro, a cotação girava em torno de R$ 4. O patamar atual, porém, não é o mais alto em termos nominais, quando não se desconta a inflação. Em 14 de maio, o recorde foi atingido: R$ 5,9718. Após isso, a divisa estrangeira chegou a custar abaixo de R$ 4,90, mas, nas últimas sessões do mercado financeiro, vem ficando acima de R$ 5,60.

Nas casas de câmbio, de acordo com levantamento realizado pelo Estadão/Broadcast, o dólar turismo é negociado perto de R$ 5,80.

Mais conteúdo sobre: