Amarante - PI

Duas mulheres são espancadas pelos companheiros em Amarante

Uma delas, identificada como Arizinha Freitas do Nascimento Alves, ficou desacordada após as agressões. Ela ainda se encontra internada no hospital de Amarante.

Laura Moura
Teresina
- atualizado

Dois homens identificados como Domingos Lopes Pereira da Silva, de 32 anos e Carlos Augusto de Sousa Soares, de 47 anos, foram presos na noite desta segunda-feira (20) após espancarem as próprias esposas durante uma bebedeira em uma casa no bairro Limoeiro, zona urbana de Amarante.

As vítimas foram identificadas como Maria Bárbara Borges da Silva e Arizinha Freitas do Nascimento Alves. Tudo começou quando Maria Bárbara, esposa de Domingos, teve uma crise de ciúmes do companheiro com a vizinha, a Arizinha. As duas mulheres travaram uma luta corporal e Domingos, então, agrediu fisicamente a companheira.

  • Foto: Divulgação/PMDomingos Lopes e Carlos Augusto de SousaDomingos Lopes e Carlos Augusto de Sousa

O comandante da 2º Companhia do 18º Batalhão da Polícia Militar, cabo Giordano, informou ao GP1 que, logo em seguida, Carlos Augusto, chegou na residência e também começou a espancar a esposa, que se trata de Arizinha, que ficou desacordada após sofrer as agressões.

Arizinha foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e encaminhada ao hospital de Amarante. Logo depois, uma guarnição da Força Tática da companhia de policiamento do município chegou até a casa, após ser acionada por populares. Os policiais levaram a segunda vítima, Maria Bárbara, para a unidade hospitalar e capturaram os indivíduos.

Domingos e Carlos Augusto foram conduzidos para a Delegacia de Polícia Civil de Água Branca, onde foram autuados em flagrante. Maria Bárbara já prestou depoimento e, agora, os policiais aguardam a saída de Arizinha da internação do hospital para ser ouvida.