Picos - PI

Empresário Kennedy Braga compra empresa de transporte coletivo de Picos

Negócio foi fechado na última quarta-feira, 15, e transferência da empresa ao novo proprietário acontece na segunda-feira, 20.

José Maria Barros
Picos

Depois de intensa negociação intermediada por um representante da administração municipal, o empresário João Kennedy Braga, radicado em Brasília, comprou a L.D.L Transporte e Turismo Ltda. A empresa pertencia ao Grupo R. Sá e tem a concessão para exploração do serviço de transporte coletivo urbano de passageiros em Picos.

Segundo o secretário municipal do Turismo, Desenvolvimento Econômico e Tecnológico, Rômulo Costa, foi ele como representante do poder público que fez a intermediação, a conciliação entre os dois empresários em torno da compra da empresa.

  • Foto: Jailson DiasKennedy Braga compra empresa de ônibus coletivo em PicosKennedy Braga compra empresa de ônibus coletivo em Picos

“Em março deste ano o dono da empresa, Raimundo Filho, do Grupo R. Sá; chegou à Prefeitura dizendo que não queria mais a concessão e nós, com a preocupação de a população de Picos ficar sem o serviço, buscamos fórmulas para que a comunidade não ficasse desassistida do serviço de transporte de passageiros urbanos, que acredito ser essencial” – contou Rômulo Costa.

De acordo com Rômulo Costa, o empresário Kennedy Braga se dispôs a comprar a empresa e o negócio foi fechado. Não vou revelar o valor, pois é de interesse empresarial deles, mas que, a partir da próxima segunda-feira, 20, o dono da empresa é Kennedy Braga” – afirmou.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Rômulo Costa foi quem intermediou o negócio entre os dois empresáriosRômulo Costa foi quem intermediou o negócio entre os dois empresários

Rômulo nega compra da empresa Apontado como o comprador da empresa, Rômulo Costa negou e garantiu que seu papel foi apenas de intermediário na negociação. Vê se o novo proprietário, Kennedy Braga, vai continuar com os mesmos termos de condições que o atual concedente, pois o mesmo tinha alguns compromissos para que o município não saísse perdendo, principalmente, a população que usa o transporte público de passageiros.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Empresa de ônibus de Picos tem novo proprietárioEmpresa de ônibus de Picos tem novo proprietário

“Meu papel foi apenas esse! Vê as cláusulas para que a população não saia perdendo, que as cláusulas contratuais fossem mantidas da forma que foram” explicou Rômulo Costa, acrescentando que a concessão do serviço vai até 2028, ou seja, tem mais nove anos pela frente.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Novo proprietário promete ampliar o serviçoNovo proprietário promete ampliar o serviço

A concessão diz que ele [dono da empresa] tem o direito a exclusividade de explorar o transporte urbano de passageiros no município de Picos.

Cláusulas

O novo proprietário da empresa terá que cumprir algumas cláusulas, como, por exemplo, a obrigação de aceitar o vale transporte para o idoso que tem direito a passagem de graça. O reajuste anual será de acordo com as cláusulas contratuais já definidas na época da licitação da concessão para exploração do serviço.

De acordo com Rômulo Costa, na próxima segunda-feira, 20, estará tudo resolvido, inclusive, a empresa mudará de sede e passará a funcionar num prédio próximo ao Terminal Rodoviário, que foi adquirido pelo empresário Kennedy Braga, onde anteriormente funcionou a Skol.

“Durante a negociação o empresário Kennedy Braga fez um compromisso de melhorar o serviço e, para tal, deve adquirir novos ônibus, colocar Wifi nos coletivos e passar a atender os bairros que hoje estão desassistidos. Ele garantiu que vai fazer o investimento necessário para que outros bairros sejam contemplados” – destacou Rômulo Costa.

Ele reafirmou que seu papel na negociação entre os dois empresários foi o de garantir que o município não saísse perdendo, pelo contrário, viesse a ganhar com a melhoria do serviço prestado à população.

Mais conteúdo sobre: