Pavussu - PI

Ex-candidato a prefeito de Pavussu é acusado de tentar matar homem

O suspeito identificado como José Alves da Silva, que está foragido, já responde a um processo por homicídio.

Carolina Dias
Teresina
- atualizado

Por volta das 16h desta sexta-feira (10), José Alves da Silva, ex-candidato a prefeito do município de Pavussu, localizado no sul do estado, invadiu a casa de um homem identificado como Paulo Sérgio de Sousa, vulgo Neném, atirou contra ele e fugiu. A vítima foi encaminhada ao Hospital de Floriano.

Segundo informações do agente da Polícia Militar de Itaueira, Josafar, policiais tomaram conhecimento da ocorrência por volta de 17h e foram ao local. Segundo relatos de moradores, a briga se deu por conta da apreensão de um animal. “Um serviço prestado pelo município é recolher animais das ruas e estradas. A informação que a gente teve foi que esse Neném fazia isso para a prefeitura e recolheu um cavalo que pertencia ao José Alves e ele não ficou satisfeito”, conta o agente.

O acusado foi confrontar a vítima sobre a apreensão de seu animal e como o cavalo estava sendo tratado. Uma fonte que não quis se identificar, informou ao GP1 que a resposta de Neném foi que estava fazendo seu trabalho e tinha dado água ao animal, mas não o tinha alimentado e que José Alves já é conhecido por ser um homem muito violento na região.

José Alves da Silva seguiu Paulo Sérgio até em casa, onde disparou contra o homem. A vítima foi socorrida pela população e encaminhada ao Hospital Regional Tibério Nunes. A equipe médica que atendeu Paulo Sérgio informou seu estado de saúde. "Ele teve lesão no antebraço esquerdo, uma lesão no braço esquerdo que também foi para o tórax e uma lesão torácica, que pegou o processo espinhoso da coluna vertebral e tórax. A gente drenou tórax e ele está bem, estável, mas com um déficit motor no braço esquerdo, mas está estável”, pontuou.

José Alves da Silva está foragido e já responde a um processo por homicídio.

Mais conteúdo sobre: