Política

Merlong Solano destaca déficit de R$ 1 bilhão na Previdência

Wellington Dias encaminhou no dia 3 de dezembro para a Alepi, o Projeto de Emenda Constitucional (PEC) que “altera a disciplina do Regime Próprio de Previdência Social no âmbito do Estado do Piauí".

Bárbara Rodrigues
Teresina
Jonas Carvalho
Teresina
- atualizado

O secretário de Administração, Merlong Solano (PT), afirmou que o Estado do Piauí sofre com um grande déficit na Previdência que já chega a R$ 1 bilhão. Ele afirmou que mudanças precisam ser realizadas.

Wellington Dias (PT) encaminhou no dia 3 de dezembro para a Alepi, o Projeto de Emenda Constitucional (PEC) que “altera a disciplina do Regime Próprio de Previdência Social no âmbito do Estado do Piauí, prevê transição, disposições transitórias e dá outras providências”.

  • Foto: Alef Leão/GP1Merlong SolanoMerlong Solano

Merlong Solano assegurou que o grande déficit com a Previdência precisa ser contornado. “É preciso encontrar um equilíbrio atuarial para a Previdência, pois ela tem um déficit crescente. Em torno de 6 a 7 anos ela cresceu de R$ 400 milhões para mais de R$ 1 bilhão. Pelo que está sendo de déficit, a gente vai terminar o ano com mais de um bilhão”, afirmou.

Ele explicou que o governo precisa tirar dinheiro do Tesouro Estadual para bancar parte desse déficit. Merlong ainda defendeu a proposta do governo que está tramitando na Alepi.

“Dinheiro do tesouro do estado, dinheiro próprio que poderia estar indo para outra finalidade, para toda a sociedade, mas que está indo para uma obrigação, que embora seja importante, é para cerca de 47 mil aposentados. A forma de encontrar o equilíbrio é manter o regime de solidariedade, aperfeiçoar a gestão e estabelecer direitos que possam ser honrados. A previdência tem que ser um regime de todos e tem que ser sustentada por quem dela participa, com a contribuição do estado”, finalizou Solano.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

"Governo não tem opção", diz Assis Carvalho sobre Previdência

Progressistas deve votar a favor da reforma da Previdência no Piauí

Rafael Fonteles avalia como obrigatória adequação da Previdência

Debate sobre Reforma da Previdência termina em confusão na Alepi