Teresina - PI

Moradores do bairro São João estão há quase 48h sem energia elétrica

A Equatorial Piauí, empresa responsável pelo fornecimento de energia elétrica, encaminhou uma equipe para o local, mas o problema já se prolonga por várias horas.

Davi Fernandes
Teresina
- atualizado

Moradores da Rua Pedro de Vasconcelos, no bairro São João, na zona leste de Teresina, denunciaram ao GP1 neste domingo (16), que estão sem o fornecimento de energia elétrica desde às 15h da última sexta-feira, 14 de fevereiro, após um problema que ocorreu em um poste na localidade.

Os moradores, que não preferiram se identificar, relataram que na última sexta-feira (14), o transformador de um poste de energia elétrica sofreu uma explosão antes de ocorrer uma chuva e a partir deste momento a rua inteira ficou sem o fornecimento de energia.

  • Foto: Marcelo Cardoso/GP1Equatorial em Teresina Piaui Equatorial em Teresina Piaui

Devido ao transtorno, pessoas acabaram tendo prejuízos por causa de mantimentos que precisariam estar refrigerados. Ainda de acordo com os relatos, a Equatorial Piauí, empresa responsável pelo fornecimento de energia elétrica, encaminhou uma equipe para o local, mas o problema já se prolonga por várias horas.

Renascença I

Outra situação semelhante, ocorre também em parte do Conjunto Renascença I, localizado na zona sudeste de Teresina, onde populares bloquearam a saída de um veículo da empresa Equatorial Piauí, após um cabo se romper, deixando a região por mais de 24h sem o fornecimento de energia elétrica.

  • Foto: Reprodução/WhatsAppCarro da Equatorial bloqueado por popularesCarro da Equatorial bloqueado por populares

“O carro está aqui, está fechado. Não vamos deixar ele sair enquanto não vier uma equipe preparada para resolver o problema. Esse caso é desde ontem com a falta de energia aqui. O carro pequeno da Equatorial encontra-se aqui no local. A equipe que veio não pode fazer o serviço, por não ter suporte necessário para poder fazer a emenda. Não é má vontade dos funcionários que estão aqui. Eles não têm condições de fazer, não têm equipamento”, destacou Reginaldo Pereira ao GP1.

Equatorial

Ainda ontem (15), por meio de nota, a empresa Equatorial destacou que o motivo da falta de energia na localidade é em decorrência da chuva que ocorreu na madrugada de sexta-feira (14) para sábado (15). Referente ao problema do bairro São João, a empresa ainda se pronunciou.

Confira a nota na íntegra:

As chuvas intensas registradas no município de Teresina e região na noite de ontem (14) e madrugada de hoje (15), com forte incidência de descargas atmosféricas em vários pontos da cidade, impactaram o fornecimento de energia elétrica em algumas zonas da Capital e, por consequência, o aumento do número de ocorrências registradas. O desligamento da rede elétrica durante a incidência de raios é um mecanismo de proteção e segurança para evitar acidentes ou danos.

Imediatamente, a Equatorial Piauí ativou seu plano de contingência para atuação no período chuvoso, mobilizando 6 vezes mais equipes de campo para dar suporte e resolução para estas ocorrências no menor tempo possível.

Prioritariamente, a Empresa atendeu a ocorrências mais complexas, envolvendo maior número de clientes atingidos ou com risco de acidentes com a rede elétrica. As equipes seguem trabalhando desde a madrugada e permanecerão durante todo o dia de hoje atuando nos demais casos, já tendo sido restabelecido o fornecimento de energia para 65% dos clientes atingidos desde o início da contingência.

A Distribuidora esclarece que o tempo de atendimento aos chamados foi impactado pela dificuldade de deslocamento das equipes em algumas regiões, em função de congestionamentos no trânsito, motivados pelos eventos do Zé Pereira de Timon e preparação para o Corso de Teresina.

A Empresa reitera que práticas de bloqueio de viaturas prejudicam o andamento dos trabalhos e impactam não somente os clientes da área atingida, mas todos os demais que aguardam atendimento.

NOTÍCIAS RELACIONADAS

Sem energia, moradores bloqueiam carro da Equatorial no Renascença

Moradores do bairro Campestre estão há 18h sem energia elétrica

Procon vai investigar cortes de energia da Equatorial Piauí

Mais conteúdo sobre: