São Raimundo Nonato - PI

MPF denuncia secretário Jussival Júnior em ação de improbidade

A ação foi ajuizada no dia 19 de fevereiro deste ano e aguarda recebimento pelo juízo da Vara Federal de São Raimundo Nonato.

Gil Sobreira
Teresina

Acusado de não atender as requisições do Ministério Público Federal, o secretário municipal de Saúde de São Raimundo Nonato, Jussival de Macedo Silva Júnior, foi denunciado a Justiça Federal pelo procurador da República Igor Lima Goettenauer de Oliveira por improbidade administrativa.

Jussival Júnior é acusado de deixar de atender oito ofícios requisitando informações em procedimentos que visam apurar supostas irregularidades no fornecimento de medicamentos à pessoa diagnosticada com transtornos depressivos e relacionadas à utilização de verbas do PMAQ para pagamento dos profissionais de saúde no Município de São Raimundo Nonato.

  • Foto: Reprodução/FacebookSecretário Jussival de Macedo SilvaSecretário Jussival de Macedo Silva

Para o procurador, “tal desídia demonstra a vontade do requerido em não contribuir para o esclarecimento dos fatos investigados nos Inquéritos Civis n. 1.27.000.002555/2015-81 e 1.27.004.000059/2019-87 caracterizando, portanto, ato de improbidade administrativa”.

O procurador pede a condenação do secretário nas sanções previstas na Lei de Improbidade Administrativa, que prevê a perda da função pública, multa civil, suspensão dos direitos políticos e a proibição de contratar com o Poder Público.

A ação foi ajuizada no dia 19 de fevereiro deste ano e aguarda recebimento pelo juízo da Vara Federal de São Raimundo Nonato.

Outro lado

Jussival de Macedo Silva Júnior não foi localizado pelo GP1.