Uruçuí - PI

MPF investiga denúncia da Prefeitura de Uruçuí contra Débora Renata

Na portaria de nº 50, de 25 de setembro, o procurador Patrick Áureo informou que existe um procedimento preparatório autuado a partir de representação do município do Uruçuí.

Bárbara Rodrigues
Teresina

O Ministério Público Federal no Piauí (MPF-PI), por meio de Patrick Áureo Emmanuel da Silva Nilo, instaurou um inquérito civil com o objetivo de investigar denúncia da prefeitura de Uruçuí, que é comandada por Dr. Wagner, contra a ex-prefeita Débora Renata Coelho.

Na portaria de nº 50, de 25 de setembro, o procurador Patrick Áureo informou que existe um procedimento preparatório autuado a partir de representação do município do Uruçuí, em face da ex-prefeita Débora Renata Coelho de Araújo, que comandou o município de 2013 a 2016, por supostas irregularidades em termos de compromissos firmados com o FNDE para construção de duas quadras escolares cobertas e uma creche.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Ministério Público Federal Ministério Público Federal

Com o fim do prazo de investigação e a necessidade de continuar apurando o caso, o procurador decidiu converter o procedimento preparatório em inquérito civil, para que assim possam ser realizadas novas diligências.

“O Ministério Público é uma instituição permanente, essencial à função jurisdicional do Estado, incumbindo-lhe a defesa da ordem jurídica, do regime democrático e dos interesses sociais e individuais indisponíveis”, destacou o procurador da república Patrick Áureo na portaria.

Outro lado

Débora Renata não foi localizada pelo GP1.