Oeiras - PI

MPF investiga irregularidades na gestão do ex-prefeito Lukano Sá

A portaria nº 41 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, no dia 21 de maio deste ano.

Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O Ministério Público Federal no Piauí instaurou inquérito civil para investigar irregularidades na aplicação de recursos federais no município de Oeiras, na gestão do ex-prefeito Lukano Sá. A portaria nº 41 foi assinada pela procuradora da República Cecília Vieira de Melo Sá Leitão, no dia 21 de maio deste ano.

  • Foto: Facebook/Socorro PereiraEx-prefeito Lukano SáEx-prefeito Lukano Sá

O objetivo é apurar irregularidades na prestação de contas do Convênio SIAFI nº 755854 firmado entre o Ministério do Turismo com a Prefeitura de Oeiras para a realização do 3º Oeiras Folia, no valor de R$ 100 mil.

A procuradora considerou expediente enviado pelo Ministério do Turismo sobre 1539 convênios firmados entre a pasta e diversos municípios com prestação de contas irregular ou inadimplência suspensa.

Outro lado

Procurado, o ex-prefeito Lukano Sá não foi localizado pelo GP1.