Curral Novo do Piauí - PI

Mulher denuncia descaso com idosa em Curral Novo do Piauí

O relato foi feito pela moradora do município de Curral Novo do Piauí, identificada como Dani Sousa, no Facebook.

Débora Dayllin
Teresina
- atualizado

Uma moradora do município de Curral Novo do Piauí, identificada como Dani Sousa, denunciou na última sexta-feira (14), em suas redes sociais uma situação dramática vivida por sua família.

No relato, a mulher conta que sua mãe já idosa, sofreu um Acidente Vascular Cerebral (AVC), e precisou ser encaminhada para Teresina para realizar uma cirurgia de cateterismo. Ao procurar a Secretaria de Saúde do município, para solicitar uma ambulância para fazer o translado da idosa, foi informada pelas autoridades da cidade que não seria possível. Ela alega que a negativa teria motivações políticas, já que sua família faz parte da oposição na cidade.

Sem transporte próprio, a senhora teve que ser trazida para Teresina, debilitada, em um ônibus comum de transporte de passageiros que faz linha de Curral para a capital, como mostra o vídeo gravado pela família.

Veja o relato na integra:

“Fazia tempo que não usava essa rede social para reclamar sobre algo, mas dessa vez foi algo bem pessoal! Que veio acarretando de outras situações também, não sei se vocês sabem mas recentemente minha mãe sofreu um derrame cerebral (avc) o que deixou o lado direito dela imobilizado por completo, onde a mesma precisa de cuidados especiais, para sentar, banhar, entre outras tarefas diárias simples para nós, mas que para ela se tornou um dilema. Em meio a isso, ela precisou fazer uma cirurgia, um cateterismo que aconteceu nesse dia 12/12 ,onde liguei para a secretaria de saúde, para conseguir uma ambulância, para que mãe pudesse ir para Teresina, para o hospital, e a mesma disse que não era com ela e sim com o prefeito (Erisvaldo Gomes) ! Ué?! Como assim com o controlador interno??que libera quem vai na ambulância ou não?! E tem que liberar? A ambulância não é pública? Para todos? Então se fosse um caso de morte, urgência, e o "moço" estivesse viajando morreria à míngua, porque a senhora não pode resolver? Qual a sua função secretaria? Esquentar mais um banco?
Após isso liguei para o que se diz prefeito, que também me disse o mesmo, que dependia do Valdo! Chega a ser hilário se não fosse trágico! Lembrando que a psicologia, e a fisioterapeuta visita todas as casas menos a da minha mãe, por um fato simples por sermos oposição! Tão ignorante que minha mãe nem mora aqui, nem aqui votava! Vocês são escrotos, e não tem fé em Deus porque a lei do retorno tarda mais não falha! Ter que ver minha mãe indo acamada em um ônibus, eu como filha fiquei de coração cortado! Como sou pequena sei que não adianta ir contra vocês! Mas está aqui a minha indignação! Se não estão aptos para exercer os cargos de vocês, renunciem, antes de eleitores somos humanos! Quem puder que compartilhe...quem sabe dá em alguma coisa (sic)”.

Outro lado

Procurados, o prefeito Júnior de Abel, o controlador do município Erisvaldo Gomes e a secretária de saúde da cidade não foram localizados pelo GP1.

Mais conteúdo sobre: