Piauí

OAB do Piauí propõe que TJ funcione em dois turnos

O presidente do TJ-PI, Erivan Lopes está fazendo um estudo dos impactos financeiros.

ANDREIA SOARES, DO GP1

O presidente da Ordem dos Advogados do Brasil, Seccional Piauí (OAB-PI), Chico Lucas, afirmou ao GP1 que foi recomendado ao Tribunal de Justiça do Estado a alteração do horário de funcionamento do órgão para dois turnos.

Imagem: Lucas Dias/GP1Presidente da OAB-PI, Chico Lucas(Imagem:Lucas Dias/GP1)Presidente da OAB-PI, Chico Lucas
O presidente da OAB-PI explicou que o objetivo é dar celeridade aos processos do Judiciário. O novo expediente deve funcionar em duas escalas, de 08h às 14h e das 12h às 18h. “Nossa proposta surgiu desde o começo do ano, ainda na gestão passada e, a nossa expectativa é que a mudança aconteça ainda este ano”, anseia.

Sobre o novo presidente do TJ-PI, o desembargador Erivan Lopes, Chico Lucas ressalta que ele foi simpático à ideia. “O desembargador está fazendo um estudo dos impactos financeiros e a possibilidade do órgão funcionar em dois turnos, pois isso demanda um quadro maior de funcionários e recursos”, contou.

Imagem: Lucas Dias/GP1Desembargador Erivan Lopes(Imagem:Lucas Dias/GP1)Desembargador Erivan Lopes
A sugestão de Erivan Lopes é que as comarcas sejam aglutinadas. “Eles [OAB] estiveram comigo e estão concordando com a nossa proposta de remodelação da organização judiciária com a agregação de algumas comarcas, vamos redimensionar mão de obra e, talvez, se a agregação das unidades acontecer na proporção que estamos querendo, nós teremos uma disponibilidade maior de mão de obra e, talvez, atender esse pleito”, pontuou o desembargador.

Mais conteúdo sobre: