Avelino Lopes - PI

Prefeito Dióstenes Alves reduz em 20% o próprio salário e do vice

O gestor também decretou a rescisão de contratos de trabalho e assessorias vinculadas à Secretaria Municipal de Administração.

Raisa Brito
Teresina
- atualizado

O prefeito de Avelino Lopes, Dióstenes Alves, assinou decreto reduzindo temporariamente, em 20%, o seu próprio salário, do vice-prefeito e dos secretários municipais. O decreto foi assinado, no dia 5 de outubro deste ano.

O gestor também decretou a rescisão de contratos de trabalho e assessorias vinculadas à Secretaria Municipal de Administração.

  • Foto: Divulgação/AscomPrefeito Dióstenes AlvesPrefeito Dióstenes Alves

Segundo o prefeito, as medidas são necessárias para enfrentar a desaceleração da economia local, bem como a diminuição das receitas do município, no intuito de garantir o equilíbrio entre a receita e as despesas públicas.

“A queda no Fundo de Participação dos Municípios e a crise financeira motivaram essas medidas. Esperamos que a medida faça com que o município possa seguir honrando seus compromissos sem prejudicar os demais investimentos e ações que estão em andamento”, disse o prefeito Dióstenes Alves.

Uruçuí

O prefeito de Uruçuí, Dr. Wagner, também adotou medidas para redução de gastos no município, entre elas a redução, em 20%, as remunerações de todos os servidores públicos municipais ocupantes de cargos comissionados, do valor relativo as funções de confiança daqueles que exercem cargos de chefia, direção, assessoramento e coordenação, bem como os subsídios do prefeito e vice-prefeito, suspensão do pagamento de horas extraordinárias.

Mais conteúdo sobre: