Piauí

TCE vai julgar inspeção realizada na Prefeitura de Uruçuí

O procurador José Araújo Pinheiro Júnior apresentou um parecer pedindo que seja julgada procedente a inspeção, com aplicação de multa de 4.500 UFR-PI, que equivale a R$ 14.805 mil.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

O Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI) vai julgar na próxima quinta-feira (10) uma inspeção contra a prefeitura de Uruçuí que foi realizada no ano de 2016 e que encontrou irregularidades relacionadas ao descumprimento do limite de despesa com pessoal na gestão da ex-prefeita Débora Renata.

Consta que houve um aumento dos gastos de pessoal nos exercícios de 2014, quando o percentual estava em 59,80% e em 2015 quando estava em 55,43%, quando o limite legal é de 54%. Ainda foi constatado um aumento de 21,78% nas despesas com folha de pessoal no primeiro quadrimestre de 2016.

  • Foto: Lucas Dias/GP1Tribunal de Contas do EstadoTribunal de Contas do Estado

Em sua defesa, a ex-prefeita afirmou que as ocorrências eram advindas de problemas deixados pela última gestão, explicou que existe a necessidade de contratações de profissionais para o ano letivo do município, que teve que pagar o piso nacional dos professores e dos agentes de endemias e comunitários, e que isso, aliado ao pouco crescimento da receita acabou aumentando os gastos.

O procurador José Araújo Pinheiro Júnior apresentou um parecer pedindo que seja julgada procedente a inspeção, com aplicação de multa de 4.500 UFR-PI, que equivale a R$ 14.805 mil.