Colônia do Gurguéia - PI

Vereadora denuncia prefeita Doquinha por desvio de recursos públicos

A vereadora alega que a prefeita Doquinha está realizando licitação para a reforma das escolas do município, sendo que elas já foram reformadas no início desse ano.

Bárbara Rodrigues
Teresina
- atualizado

A vereadora Pedrina Almeida de Araújo Rocha protocolou no Tribunal de Contas do Estado do Piauí (TCE-PI), no dia 4 de setembro, uma denúncia contra a prefeita de Colônia do Gurguéia, Alcilene Alves de Araújo, mais conhecida como Doquinha por desvio de recursos públicos.

A vereadora alega que a prefeita Doquinha realizou licitação para a reforma das escolas do município, sendo que elas já foram reformadas no início desse ano.

  • Foto: Facebook/Prefeitura de Colônia do GurguéiaPrefeita Alcilene Alves de Araújo, mais conhecida como DoquinhaPrefeita Alcilene Alves de Araújo, mais conhecida como Doquinha

Ela apresentou algumas matérias divulgadas na internet em fevereiro deste ano, onde a prefeita informa que estão sendo realizadas reformas em todas as escolas municipais, que receberam pinturas, letreiros e algumas salas receberam pisos novos. Só que em julho a prefeita decidiu realizar licitação para reforma das unidades escolares.

Ela disse que decidiu visitar as escolas e constatou que todas estão reformadas e com letreiros. “Só o item pintura, a prefeita vai gastar R$ 94.035, 40, conforme planilha licitada. Ou seja, como o lote de reformas prevê um total de R$ 385.718,95 mil, aproximadamente 25% desse valor está previsto gastos com pinturas que já foram realizadas. Em outras palavras, as obras já foram feitas, já forma pagas de alguma forma e a prefeita vai pagar novamente por um serviço já realizado, claramente sendo confirmando o exposto, um típico caso de desvio de recursos públicos”, disse.

Ela destacou ainda que “os letreiros também previstos para as oito escolas e para a sede da secretaria municipal de Educação, já foram adquiridos e devidamente instalados, mesmo assim a prefeita Alcilene vai pagar novamente pelos serviços orçados em R$ 2.377,90 mil”.

Outro lado

A prefeita não foi localizada peloGP1.