Picos - PI

Vereadores de Picos Rinaldinho e Afonsinho podem ser expulsos do PP

A possibilidade foi admitida pelo senador Ciro Nogueira e confirmada pela deputada Belê Medeiros durante encontro das oposições.

José Maria Barros
Picos

Os vereadores José Rinaldo Cabral Pereira Filho, o Rinaldinho, e Antônio Afonso Santos Guimarães Júnior, o Afonsinho, que foram eleitos pela oposição e aderiram ao prefeito de Picos, Padre José Walmir de Lima (PT), podem ser expulsos do Progressistas, partido ao qual são filiados.

A expulsão dos dois foi admitida pelo presidente nacional do Progressistas, senador Ciro Nogueira, durante encontro com as lideranças da oposição de Picos ocorrido neste sábado, 11 de maio. A possibilidade foi confirmada pela deputada Belê Medeiros. A parlamentar informou, inclusive, que a assessoria jurídica do partido já fora acionada.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Ciro diz que não quer aliados do Padre Walmir no ProgressistasCiro diz que não quer aliados do Padre Walmir no Progressistas

Durante seu discurso no encontro com as oposições de Picos, o senador Ciro Nogueira disse que foi questionado sobre as adesões de progressistas ao Padre Walmir e mandou um recado.

“Aqui é bom a gente dizer que as pessoas do nosso partido que estejam aliadas ao Padre [Walmir] que tomem o rumo de ficarem do lado desse cidadão. Não é justo para com vocês, que tiveram a coragem de estar ao lado do povo, de não atender as benesses pessoais de um homem despreparado, eles [adesistas] venham na época da eleição ficar do lado da população” – condenou Ciro Nogueira.

O senador disse que é preciso fortalecer o Progressistas, PTB e os demais partidos que são adversários do gestor em Picos, mas com pessoas que ficaram na oposição no momento em que ela está precisando.

“Nós temos que separar! Nada de pessoal contra ninguém, no entanto, temos que fazer essa separação para que a população possa ter a noção de quem está ao nosso lado agora e na época da eleição. Não adianta também no período da eleição vir pegar as benesses de uma disputa que acredito vitoriosa e nós possamos ter um prefeito nos próximos quatro anos à frente da gestão municipal em Picos” – advertiu Ciro Nogueira.

Belê Medeiros

Questionada sobre a possibilidade de expulsão dos dois vereadores, a deputada Belê Medeiros disse que sim, era lógico. “Ninguém serve a dois senhores! Nós não temos como tê-los no partido, concorrendo a uma vaga na Câmara com os nossos vereadores, porque naturalmente eles não vão aceitar e nós não temos como mantê-los no partido por conta disso. É uma decisão do senador Ciro Nogueira e a gente entende perfeitamente isso” – afirmou.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Deputada Belê confirma possibilidade de expulsão dos vereadoresDeputada Belê confirma possibilidade de expulsão dos vereadores

Segundo a deputada Belê Medeiros, o senador Ciro Nogueira já foi comunicado do fato [a adesão de Afonsinho e Rinaldinho], convocou a assessoria jurídica do partido e vai conduzir isso [processo de expulsão]. “Nós aqui de Picos somos comissão e não temos o poder de fazer isso e não vamos fazer porque não compete a gente”, explicou.

A deputada Belê Medeiros adiantou que o senador Ciro Nogueira vai tomar as providências para que certamente isso aconteça de forma legal. Não queremos prejudicar ninguém! Que não saiam prejudicados nem eles e nem a gente! Peguem o caminho deles que nós vamos seguir o nosso” – sugeriu a progressista.

Adesão

Eleitos pela coligação “Cuidando da nossa gente”, formada pelos partidos do PP, PMB, REDE, PHS, PR e PR, que teve como candidato a prefeito o empresário Gil Marques de Medeiros, o Gil Paraibano (Progressistas), os vereadores Rinaldinho e Afonsinho, aderiram ao prefeito Padre Walmir.

O primeiro a mudar de lado foi o vereador Rinaldinho, que deixou a oposição e aderiu ao prefeito Padre Walmir no dia 23 de maio de 2017. Na época ele indicou a mulher Antônia Maria para Secretaria de Finanças, além de alguns cargos em comissão.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Vereador Rinaldinho pode ser expulso do ProgressistasVereador Rinaldinho pode ser expulso do Progressistas

Líder da oposição por quase dois anos, Afonsinho aderiu ao prefeito Padre Walmir no último dia 30 de abril. Ele indicou o irmão Marcos Vinicius, o Marquinhos, para a Secretaria Municipal de Agricultura e Abastecimento e ainda vai indicar o secretário da Defesa Civil, cujo órgão deve ser transformado de Coordenadoria em Secretaria.

  • Foto: José Maria Barros/GP1Afonsinho corre risco de expulsão do ProgressistasAfonsinho corre risco de expulsão do Progressistas

Desempenho

Candidato pela coligação “Cuidando da nossa gente”, formada pelos partidos do PP, PMB, REDE, PHS, PR e PR, o vereador José Rinaldo Cabral Pereira Filho, o Rinaldinho (PP), obteve nas eleições de outubro de 2016, 1.309 votos, o equivalente a 3,06% dos votos válidos. Foi o oitavo mais bem votado entre os quinze eleitos em Picos.

Afonsinho concorreu pela mesma coligação e obteve 1.310 votos, equivalente a 3,07% dos votos válidos. Ficou na sétima colocação entre todos os postulantes a uma cadeira na Câmara Municipal de Picos.