Política

WhatsApp bloqueia nove contas do PT por disparos de mensagens em massa

A prática viola os termos de uso do aplicativo.

Nathalia Carvalho
Teresina
Wanessa Gommes
Teresina
- atualizado

O WhatsApp bloqueou nove contas do Partido dos Trabalhadores (PT), nas últimas semanas, por disparos em massa de mensagens e denúncias de spam político. A prática viola os termos de uso do aplicativo.

O PT apresentou, em 2019, ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), um pedido de cassação da chapa do então candidato a presidente Jair Bolsonaro por suposto envio automatizado de mensagens, pois tal prática teria provocado desequilíbrio no pleito.

Inconformada com os bloqueios das contas, a deputada federal Gleisi Hoffmann, presidente nacional do PT, enviou uma carta ao dono do Facebook, Mark Zuckerberg, ameaçando processar a empresa e garantindo que: “Cumprimos de boa-fé as normativas do aplicativo, tanto em relação ao conteúdo quanto ao acesso aos usuários”.

Na semana passada, os petistas votaram pela aprovação da lei das fake news. No entanto, na opinião de juristas, trata-se de legislação inconstitucional que vai amordaçar as redes sociais.

Mais conteúdo sobre: